Corvette ZR1 ganha primeira versão conversível desde 1970

Versão sem capota do esportivo foi revelada pela Chevrolet no Salão de Los Angeles (EUA)

Crédito: Chevrolet

Duas semanas depois de apresentar a linha 2019 do Corvette ZR1, a Chevrolet revelou a versão conversível do esportivo, durante o Salão de Los Angeles, nos Estados Unidos. É a primeira vez que o modelo ganha uma opção sem capota desde a estreia do ZR1 original, em 1970.

Sob o capô, o ZR1 Convertible traz o mesmo motor V8 LT5 sobrealimentado de 6,2 litros da versão cupê, que gera 755 cv. Com ele, o carro leva menos de 3 segundos para acelerar de 0 a 100 km/h e chega a impressionantes 322 km/h.

O conversível é apenas 27 kg mais pesado que o cupê e tem o mesmo ajuste de suspensão. O preço nos Estados Unidos parte de US$ 123.995 (R$ 398 mil), pouco maior que o da versão com capota (US$ 119.995, cerca de R$ 385 mil). Por US$ 2.995 extras (R$ 9.600), o pacote de desempenho ZTK adiciona aerofólio, pneus Michelin Pilot Sport Cup 2 e suspensão Magnetic Ride.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Ofertas Carros 0km

Ofertas com condições especiais


Notícias relacionadas