Jeep e Ram podem se separar da Fiat

Alta no valor de mercado pode influenciar criação de empresas independentes, mas ainda sob comando da FCA

Foto: Jeep

A FCA pode transformar as marcas Jeep e Ram em uma empresa separada, independente do grupo de origem italiana. Isso pode ocorrer por causa do expressivo aumento de valor de mercado da Jeep, que multiplicou as vendas globais nos últimos anos e deve chegar aos 2 milhões de carros entregues por ano em 2018. As empresas, no entanto, continuariam sob o comando da cúpula da FCA.

O movimento seria parecido com o feito pela Ferrari, também capitaneado por Sergio Marchionne, atual CEO da FCA e da fabricante de esportivos. A Ferrari também foi transformada numa empresa independente após ter seu valor de mercado elevado.

No entanto, mesmo que a mudança de comando ocorra, pouco deve influenciar nos produtos ou na interação da linha Jeep com o restante dos Fiat e Chrysler. Além disso, todo o processo levaria anos para finalmente ser concretizado.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas