McLaren Senna virá ao Brasil. Veja o preço

Os dois exemplares do McLaren Senna vendidos no Brasil chegam no ano que vem. Marca inaugura sua representação oficial no País

McLaren Senna GTR
McLaren Senna GTR Versão para as pistas do carro foi mostrada durante a inauguração da concessionária da marca (Foto: Helvio Romero/Estadão)

Está confirmado: o McLaren Senna, carro batizado em homenagem ao tricampeão Ayrton Senna, estará no Brasil no ano que vem. A má notícia: apenas duas unidades serão destinadas ao País, e ambas já foram vendidas.

Leia mais notícias sobre lançamentos de carros no Brasil

A informação foi divulgada durante a inauguração da representação oficial da McLaren no País, nesta terça-feira (8). De acordo com o diretor da Eurobike, representante da marca, Henry Visconde, o primeiro proprietário brasileiro do McLaren Senna vai a Woking (Inglaterra), sede da montadora, em junho. Lá, ele poderá personalizar seu carro.

“É difícil definir o preço, por causa da variação cambial, da alta possibilidade de personalização e porque os dois McLaren Senna vendidos só serão entregues no ano que vem”, diz Visconde. “Ele custará o que custa na Inglaterra (750 mil libras), mais as cargas tributárias.

A expectativa de Visconde é que o preço do McLaren Senna fique um pouco acima de R$ 8 milhões. O modelo, com edição limitada a 500 unidades, tem muitos opcionais que “inflacionam” o preço. “O acabamento de fibra de carbono acrescenta 200 mil libras (quase R$ 1 milhão)”, diz Bruno Senna, embaixador da McLaren e sobrinho de Ayrton Senna.

Durante a inauguração da concessionária da McLaren no Brasil (na Vila Olímpia, zona sul de São Paulo), foi mostrado o McLaren Senna GTR. Trata-se da versão de pista do modelo, com apenas 75 exemplares produzidas. “Temos um interessado no Brasil, mas, por enquanto, não conseguimos trazer nenhum exemplar”, diz Visconde.

Os clientes preferenciais do McLaren Senna GTR são os que já compraram um Senna homologado para as ruas.

MCLAREN SENNA EM NÚMEROS

O McLaren Senna é considerado, pela montadora, o sucessor do emblemático F1, primeiro carro de rua da marca. Seu motor 4.0 V8 biturbo é o mesmo do 720S. Porém, rende 800 cv de potência e 81,3 mkgf de torque.

De acordo com informações da montadora, o McLaren Senna acelera de 0 a 100 km/h em 2,8 segundos. De 0 a 100 km/h, o modelo vai em 6,8 segundos.

O McLaren Senna é também o carro de rua mais leve da história da marca (que surgiu nas pistas e teve sua operação automotiva lançada apenas em 2010). Ele pesa menos de 1.200 kg.

MCLAREN NO BRASIL

Com exceção do Senna GTR, a  vai vender no País toda a linha. .Os modelos mais simples são os da linha Sport Series: 570S Coupé, 570S Spider e 570S GT. Para eles, os preços ficam entre R$ 1,9 milhão e R$ 2,1 milhões, dependendo do nível de personalização que o cliente desejar. Eles têm motor 3.8 V8 biturbo de 562 cv de potência.

Da linha Super Series, está à venda o 720S, que traz um V8 biturbo de 4 litros e 710 cv. Os preços do carro vão de R$ 2,7 milhões a R$ 3,1 milhões.

A concessionária da McLaren é a terceira representação oficial da marca inglesa na América Latina – já há operações no México e no Chile.

“Sabemos que o momento não é bom, por causa da queda do mercado e a alta do câmbio”, explica Visconde. “Porém, estamos em negociação com a McLaren há muitos anos, e não queríamos perder a oportunidade de, enfim, trazer a marca ao País”, explica Visconde.

Segundo o executivo, essa é uma das únicas montadoras importantes de superesportivos que não estavam no Brasil. O País já tem representações oficiais de Ferrari, Maserati e Lamborghini – todas fazem parte do grupo Via Italia.

A Aston Martiin e a Bentley, porém, não têm mais representações oficiais no Brasil. Com a crise que atingiu todos os segmentos de carros nos últimos três anos, as duas montadoras britânicas deixaram de atuar no Brasil.

EXPECTATIVAS

A Eurobike já tem concessionárias de outras marcas de luxo, como Audi, BMW e Land Rover. A expectativa da empresa é vender 20 modelos da McLaren no Brasil neste ano. Quatro já foram comercializados, e entregues aos novos proprietários (um 720S e três 570S, sendo um cupê e dois Spider).

Para 2019, o objetivo é vender 24 automóveis no País (dois por mes). Entre a encomenda e a entrega, o prazo é de três meses. No estoque, por enquanto, há apenas um modelo, um 570S Coupé verde.

Todos os McLaren têm garantia de três anos. Para realizar o serviço de manutenção, o time da Eurobike passou por treinamento no México. No caso do Senna, porém, a preparação ocorrerá na Inglaterra.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas