Mercedes-AMG GT S ganha versão Roadster

Com V8 4.0 biturbo calibrado para 522 cv, versão GT S do AMG GT agora tem também teto retrátil

AMG GT
Mercedes-AMG GT S Roadster

A Mercedes apresentou o novo integrante da família AMG GT, o GT S Roadster. A versão conversível do GT S fica posicionada entre o GT Roadster e o GT C Roadster. O teto de lona abre ou fecha em 11 segundos em velocidades até 50 km/h.

O esportivo com teto retrátil usa o conhecido motor V8 4.0 biturbo aplicado em toda a linha AMG GT. Porém, no GT S, ele é calibrado para entregar 522 cv e 68,3 mkgf. A transmissão é a automatizada de dupla embreagem e sete marchas. A tração é traseira.

O AMG GT S Roadster acelera de 0 a 100 km/h em 3,8 segundos e atinge a velocidade máxima de 309 km/h. Isso é 0,2 segundo mais rápido que o GT Roadster e 0,1 mais lento que o GT C Roadster. A máxima ficou só 6 km/h abaixo da do AMG GT C.

Extras e acabamento do AMG GT S Roadster

O GT S Roadster tem alguns “mimos” extras. Ele traz diferencial traseiro blocante, suspensão esportiva com eixos de alumínio e freios com discos de composto de carbono-cerâmica. De série, há o pacote AMG Chrome, com detalhes cromados no spoiler e para-choque dianteiros, para-lamas e difusor traseiro.

Quem levar para casa a nova versão do conversível conta ainda com detalhes de fibra de carbono e, por dentro, o pacote Silver Chrome. Ele acrescenta acabamento prateado a peças como as saídas de ar-condicionado, volante e console central.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas