Potência e torque são grandezas complementares

Formas de medir o desempenho de um motor, potência e torque são grandezas correlatas que usamos o tempo todo quando dirigimos. Ambas atuam tanto nas acelerações quanto para obter a velocidade máxima do veículo


LUÍS FELIPE FIGUEIREDO

Formas de medir o desempenho de um motor, potência e torque são grandezas correlatas que usamos o tempo todo quando dirigimos pela cidade ou na estrada. Mas, diferentemente da afirmação popular, não se pode defini-las como “força para acelerar” (no caso do torque) ou “para velocidade máxima” (potência). Na verdade, elas atuam juntas em ambos os casos porque uma dá origem à outra.

Antes de explicá-las, é necessário falar de trabalho – de sua definição em Física, que significa o produto de uma força pelo deslocamento de um corpo. Uma pessoa subindo escada ou levantando um objeto, ou ainda o motor que coloca um veículo em movimento, são exemplos de trabalho. Torque é trabalho. Uma força que tende a girar coisas. A própria origem do nome vem do equivalente em latim para “torcer”. É obtido multiplicando-se a força aplicada pela distância (no caso, os componentes do motor). Por isso a indicação em m.kgf (metro x quilograma-força). Veja outras unidades de torque no quadro.

A potência, por sua vez, nada mais é do que a velocidade com que esse trabalho é realizado. Quanto mais rápido a pessoa subir a escada ou levantar o peso, maior a potência. E é ela o dado mais importante em um carro, segundo o técnico automobilístico Bob Sharp. “Mas é o torque que determina a faixa de rotação em que a potência é palpável.”
Ou seja, mais torque em menor rotação significa que haverá também mais potência em baixo giro, o que dará respostas mais rápidas ao carro e, por consequência, mais agilidade. Assim, entre motores com potência idêntica, o mais agradável de dirigir será aquele que entregar o torque em menor faixa de rotação.

Para facilitar o entendimento da potência, o escocês James Watt criou, no final do século 19, o termo horsepower (cavalo de força), que em português é cavalo-vapor. Era a forma de exprimir a força dos então recém-criados motores a vapor que criou. “Watt definiu que 1 horsepower seria a potência para elevar uma massa de 33.000 libras-força a uma altura de 1 pé em 1 minuto, ilustrando sua ideia com um cavalo realizando a tarefa”, explica Sharp.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Ofertas Carros 0km

Ofertas com condições especiais


Notícias relacionadas