Subaru revela nova geração do sedã WRX

Destaque do estande da marca no Salão do Automóvel, modelo chega em junho de 2015


Subaru WRX será o principal destaque da marca japonesa no Salão do Automóvel de São Paulo

A Subaru apresentou hoje a nova geração do sedã WRX, que será o principal destaque de seu estande no Salão do Automóvel de São Paulo, a partir do dia 30 deste mês.

Redesenhado, o sedã ficou mais espaçoso, graças ao entre-eixos 25 mm maior que o da geração anterior. A capacidade do porta-malas subiu de 320 para 340 litros. A cabine tem bom acabamento, com bancos esportivos de couro com costuras vermelhas, sistema de som Harman/Kardon e duas telas de LCD: uma de 3,5” junto aos instrumentos e outra de 4,3” no centro do painel.

Sob o capô, o Subaru WRX traz um motor boxer 2.0 turbo com injeção direta, 268 cv de potência e 37 mkgf de torque. O câmbio pode ser manual, com seis marchas, ou automático, com oito velocidades e opção de trocas manuais. Há três modos de direção: Intelligent, Sport e Sport Sharp.

Já a versão de alto desempenho WRX STI é equipada com motor boxer 2.5 turbo, com potência máxima de 305 cv e torque de 40 mkgf, associado a uma transmissão manual de seis marchas. O conjunto é capaz de levar o carro da imobilidade aos 100 km/h em 5 segundos, de acordo com a montadora. O grande aerofólio traseiro e as rodas de liga leve douradas de 18 polegadas distinguem o visual desta versão.

Com importação exclusiva pela Caoa, o novo sedã chegará às lojas entre o fim de maio e o início de junho de 2015. O preço do WRX deve ficar entre R$ 100 mil e R$ 130 mil e o da versão STI, na faixa dos R$ 200 mil. A Subaru estima vender 500 unidades por ano do modelo, com a versão de alto desempenho respondendo por 20% do total.

Expansão. A Subaru teve 724 mil unidades vendidas globalmente em 2013. A expectativa é chegar a 825 mil veículos neste ano (um incremento de 14%) e 1,1 milhão de unidades anuais até 2020. No Brasil, foram 738 carros em 2013 e 760 de janeiro a setembro deste ano, com previsão de 1.100 emplacamentos até o fim de 2014.

O plano de expansão da rede de concessionárias contempla mercados até então não explorados pela marca, como o estado de Minas Gerais e as regiões Centro-Oeste, Norte e Nordeste. Os nove pontos de venda atuais passarão a 25 no final de 2016.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Ofertas Carros 0km

Ofertas com condições especiais


Notícias relacionadas