Aceleramos a trail BMW G 310 GS

Por R$ 24.900, BMW G 310 GS chega com estilo das irmãs grandalhonas

BMW G 310 GS
BMW G 310 GS Crédito: BMW

A BMW está investindo forte no segmento de baixa cilindrada, no qual ingressou com a G 310 R, street tabelada a R$ 21.900. Agora, a marca lança no Brasil a G 310 GS, versão aventureira da linha. Ela tem a mesma base e procedência da primogênita (Manaus), e custa R$ 24.900.

Pequena, a novidade tem visual inspirado no das irmãs maiores, F 800 GS e R 1200 GS. Há linhas bem pronunciadas no tanque e aletas prateadas com o logotipo da BMW. O bagageiro com alças do garupa integradas é item de série.

Em relação à “R”, a “GS” teve o ângulo de cáster alterado. Além disso, a roda dianteira tem 19” (a da “R” tem 17” ) e o entre-eixos é 4,5 mm maior. As suspensões também são exclusivas e têm 180 mm de curso.
O painel é mais inclinado, para facilitar a leitura se o piloto estiver em pé no fora de estrada. Já o sistema ABS do freio pode ser desligado por meio de um botão no punho esquerdo.

O motor é o bom monocilíndrico de 313 cm3,³que produz 34 cv e 2,8 mkgf. O cilindro tem revestimento especial para reduzir o atrito e sua configuração é reversa: a admissão fica na frente e a exaustão na parte de trás. Com isso, o ar admitido é mais frio, o que garante melhor funcionamento.

Na prática, esse motor tem bom torque em baixas rotações e elasticidade para permitir retomadas de velocidade sem mudanças de marcha.

O câmbio de seis velocidades é bem escalonado e fez bom casamento com o monocilíndrico. Os engates são curtos e precisos, mas em velocidade de cruzeiro (120 km/h) a sexta poderia ser mais longa.

A posição de guiar é confortável mesmo para quem tem mais de 1,80 metro de altura. As pernas ficam levemente recuadas e a largura do guidom é ideal para o uso na cidade, onde a 310 GS se mostrou ágil. No fora de estrada, os pneus mistos ajudam a dar boa tração.

Na traseira, a suspensão tem ajuste de pré-carga da mola; na frente não há regulagem. A dianteira poderia ser mais firme na compressão, já que durante frenagens ela afunda muito e no retorno pode chegar a dar final de curso.

Os freios a disco são simples nas duas rodas com 300 mm na frente e 240 mm atrás e têm boa capacidade de frenagem.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas