Avaliamos a Horizon 250


Desenvolvida com a parceira sul-coreana Daelim e montada em Manaus, a custom Dafra Horizon 250 chega ao mercado brasileiro com preço sugerido de R$ 13.690. O modelo traz visual inspirado no de customs urbanas, com diversos detalhes cromados. Sua única concorrente no País é a Kasinski Mirage 250.

O motor de 23,1 cv é baseado no da Roadwin, vendida no País desde 2012. Com um cilindro, recebeu novos comandos de válvulas, maior taxa de compressão e capacidade cúbica – são 250,2 cm3, ante 247 cm3 da Roadwin -, graças ao aumento no curso do pistão. O objetivo é entregar mais torque em rotações menores.

Na prática, pouco se nota o efeito das alterações realizadas. O câmbio de cinco marchas tem engates longos e o pedal é mole, passando a sensação de estar solto. Os freios a disco, duplo na dianteira e simples na traseira, são eficientes e as suspensões lidam bem com as imperfeições do piso. A posição do guidom e das pedaleiras é confortável. O assento de dois níveis e a densidade de sua espuma também agradam.

O painel fixado parte sobre o farol e parte sobre o tanque exige que o piloto tire os olhos da pista para aferir os dados. Os punhos de comando são de fácil uso, mas o acabamento fica devendo em qualidade. Se o consumidor desejar poderá adquirir como acessórios de fábrica, com instalação na concessionária, um para-brisa e apoio de lombar para o garupa por R$ 299 cada e pedaleiras elevadas auxiliares por R$ 379.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Ofertas Carros 0km

Ofertas com condições especiais


Notícias relacionadas