Ford faz recall do Ecosport por defeito no motor 1.5

Fabricante detectou defeito no software do módulo de controle do motor (PCM) nos modelos 2018 e 2019

Mais de 20 mil unidades do Ford Ecosport precisam de reparo/ Foto: Ford

A Ford anunciou o recall do Ecosport 2018 e 2019 devido a possível falha no motor. São 21.007 veículos envolvidos, todos com o propulsor 1.5, fabricados entre 12 de maio de 2017 e 4 de abril deste ano.

A montadora explicou que o defeito detectado no software do módulo de controle do motor (PCM) pode provocar a quebra da polia tensionadora da correia e a perda de funcionamento do sincronismo do sistema.

A falha poderia ocasionar o desligamento repentino do motor, a impossibilidade de nova partida e a perda de aceleração do veículo, com risco de acidentes e danos físicos aos passageiros e a terceiros.

Os proprietários do modelo devem agendar o serviço em uma concessionária para a reprogramação do software. De acordo com a fabricante, o atendimento deve levar aproximadamente 20 minutos e é gratuito. Para o agendamento, a Ford coloca à disposição o telefone 0800 703 3673 e seu site oficial.

Confira a numeração dos chassis envolvidos (últimos oito dígitos):

Modelos 2018 – chassis de J8598043 até J8699424

Modelos 2019 – chassis de K8695003 até K8716214

 

VEJA TAMBÉM: OS 20 CARROS MAIS VENDIDOS NO 1º TRIMESTRE DE 2018


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas