Mercado

Abril registra surpresas no ranking de vendas de veículos; confira

Dança das cadeiras nas vendas de automóveis e comerciais leves é reflexo da falta de insumos que por sua vez dita a lei da oferta e da procura

Redação

05 de mai, 2021 · 6 minutos de leitura.

vendas" >
Fiat Mobi surpreendeu ao ocupar o segundo lugar do ranking de vendas de abril
Crédito:Rafael Arbex/Estadão
automatizados

O ranking de vendas de automóveis e comerciais leves de abril, divulgado pela Fenabrave, associação que reúne os concessionários do País, sofreu reviravolta quase total em relação a março. Exceto a Fiat Strada, que se manteve na liderança de um mês para o outro (12.581 emplacamentos), todos os demais modelos do top 10 registraram sobe e desce recheado de surpresas.

A primeira delas foi ver o Fiat Mobi em segundo lugar da lista. O subcompacto, a princípio, vendeu exatas 6.861 unidades ao longo do quarto mês de 2021, que contou com 20 dias úteis e registrou uma porção de feriados antecipados e fechamento de comércio em alguns estados do Brasil por causa da pandemia do novo coronavírus.

vendas
Fiat/Divulgação

Mas, com tanta restrição, o que explica o fato de o compacto sair lá do quinto lugar (em março) para segundo? Talvez, a exposição na mídia devido ao patrocínio milionário da marca ao Big Brother Brasil 2021? Não! Para a marca, o impulso para o modelo é resultado das mudanças realizadas na linha 2021, que acrescentou a oferta da versão Trekking, com visual aventureiro, suspensão elevada e boa lista de equipamentos.

Reflexo da falta de insumos

Em nota, a Fiat afirma: "O ótimo desempenho comercial é resultado de uma série de ações implementadas principalmente no decorrer de 2020, como foco nos canais digitais de atendimento ao cliente em função das restrições causadas pela pandemia; o sucesso dos lançamentos recentes, no qual a nova Strada desponta como destaque absoluto; e o fato de a Fiat ter sido a empresa que melhor gerenciou sua cadeia de fornecedores em meio à pandemia, garantindo boa oferta de produtos ao consumidor em sua rede de concessionários."



Esse último ponto é, justamente, a tese do consultor da ADK Automotive Paulo Roberto Garbossa. Para ele, a falta de componentes e semicondutores na indústria afeta a produção e, consequentemente, reflete nas vendas. "As montadoras precisam priorizar alguns modelos na hora da produção", diz.

Em relação ao Mobi, "como o modelo não tem muita tecnologia embarcada, acaba não dependendo tanto do uso de semicondutores. Isso facilita sua fabricação", detalha. Em suma, quanto mais carro produzido, maior a oferta para atender o consumidor. E este foi o caso do subcompacto da Fiat.

Chevrolet Onix cai em vendas

Seguindo pela lista, depois de Hyundai HB20 (6.849 vendas), Fiat Toro (6.682), Jeep Renegade (6.634) e Volkswagen Gol (6.420), aparece, em sétimo lugar, o Chevrolet Onix, com 6.402 emplacamentos. A queda de quatro posições na comparação com março (quando era terceiro colocado) foi outra surpresa do mês. Afinal, até pouco tempo atrás, o hatch da GM ocupava constantemente o posto de veículo mais vendido do Brasil.

vendas
Chevrolet/Divulgação

Isso, no entanto, é reflexo da paralisação que começou em março e afetou a fábrica da GM em Gravataí (RS). De lá, saem Onix e Onix Plus (este, ficou na 12ª posição, com 4.896 unidades).

Mas, e o Tracker? Por que também caiu? Segundo Garbossa, o SUV deixou a lista dos top 10 (foi de sétimo, em março, para 11º, em abril, com 5.377) simplesmente porque "o consumidor vai comprar um carro, não encontra, e compra outro", explica. Segundo ele, a situação se baseia na lei da oferta e da procura.

vendas
Tiago Queiroz/Estadão
Continua depois do anúncio

Outro caso surpreendente, em síntese, é o aparecimento do Jeep Compass na lista dos dez mais. O modelo, que fecha a trinca de SUVs no top 10, não se trata de um veículo acessível. Custa entre R$ 144 mil e R$ 224 mil e, ainda assim, vendeu nada menos que 5.504 unidades ao longo de abril. E as vendas só tendem a aumentar com o recente lançamento da versão 1.3 turbo.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se