Você está lendo...
C3, HR-V, Maverick e Fiat Fastback: os lançamentos mais esperados de 2022
Lançamentos

C3, HR-V, Maverick e Fiat Fastback: os lançamentos mais esperados de 2022

Brasil receberá dezenas de lançamentos neste ano, e alguns prometem se destacar mais, casos do novo HR-V, da picape Ford e do SUV-cupê da Fiat

Vagner Aquino, especial para o Jornal do Carro

07 de jan, 2022 · 8 minutos de leitura.

lançamentos
Principais lançamentos de 2022 ainda serão modelos tradicionais a combustão, mas ano terá estreias importantes de elétricos e híbridos
Crédito:Citroën/Fiat/Ford/Honda/Divulgação

Se 2021 foi um ano de incertezas para a indústria automobilística, 2022 promete ser de retomada. Por causa da pandemia da Covid-19 e da escassez de semicondutores, as montadoras adiaram diversos lançamentos. Assim, este ano promete trazer grandes novidades para o mercado brasileiro. O Jornal do Carro já listou 30 lançamentos que estão a caminho. Agora, trazemos aqueles considerados os mais importantes e que, portanto, prometem mexer com o mercado e seus respectivos segmentos.

Ford Maverick

Ford
Ford/Divulgação

Para chegar com tudo - ainda no primeiro trimestre de 2022 - a Maverick promete mecânica forte. A configuração Lariat FX4 dá à picape da Ford o mesmo motor 2.0 turbo a gasolina de 253 cv do SUV Bronco Sport. No mais, a rival direta da Fiat Toro tem tração AWD (com programas de condução off-road) e câmbio automático de 8 marchas.


Com este conjunto, a Maverick não será barata, afinal, é bem mais forte que a Toro 1.3 turboflex de 185 cv. Em compensação a lista de série promete até itens como alerta de colisão com frenagem automática, faróis full LEDs e tela multimídia de 8" com Android Auto e Apple CarPlay. Ar-condicionado de duas zonas e teto solar elétrico também estão no pacote.

Novo Citroën C3

Citroën
Citroën/Divulgação

Entre os muitos lançamentos, o novo C3 promete surpreender o público brasileiro. Após ficar apagado por anos e sair de linha, o hatch da marca francesa renascerá completamente novo. Com estreia prevista para março, virá em forma de mini SUV. Assim, terá visual robusto, maior altura em relação ao solo e o estilo mais atual dos modelos da Citroën.


Detalhes mecânicos ainda são segredo. Entretanto, acredita-se que o modelo feito em Porto Real (RJ) terá motores 1.6 aspirado e até o 1.0 turbo que estreou no primo (da Stellantis) Fiat Pulse, com 130 cv. Já as versões de entrada podem ter o 1.0 Firefly de três cilindros da Fiat. Os preços prometem ser de carro de entrada, ou seja, próximo dos hatches mais vendidos, como Chevrolet Onix, Hyundai HB20 e companhia.

Novo Honda HR-V

Novo Honda HR-V
Honda/Divulgação

A Honda vai lançar no 1º semestre deste ano o novíssimo HR-V. Tão novo, que vai mudar até de categoria. Um pouco maior que na geração atual, o SUV vai subir de patamar e disputar vendas também com médios, como Jeep Compass e Toyota Corolla Cross. Para tanto, terá até versão híbrida flexível, habilitada a beber gasolina e etanol.


Entretanto, de início, o novo Honda HR-V vai manter os motores de quatro cilindros disponíveis atualmente. Ou seja, o SUV feito em Itirapina (SP) terá o 1.8 16V flex de 140 cv nas versões de entrada, e o 1.5 16V turbo de 173 cv na versão topo de linha Touring. Só depois virá o híbrido, com sistema que une o motor 1.5 flex do City a um elétrico e promete até 18,5 km/l.

Fiat Fastback

lançamentos
Fiat/Divulgação

Assim como fez no lançamento da picape Toro, a Fiat quer inovar o mercado. Por isso, vai apostar no segmento de SUVs-cupês com o Fastback. O nome (ainda provisório) é o mesmo do conceito apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo de 2018. Previsto para o segundo semestre, o utilitário terá linhas mais esportivas, bem como será maior que o Pulse.


O plano da Fiat com o Fastback é desafiar SUVs compactos de 4,30 metros de comprimento. É o caso, por exemplo, de Hyundai Creta, Jeep Renegade e Volkswagen T-Cross. Mas tudo ainda é mistério. Segundo apuração recente do Autos Segredos, o novo SUV usará a plataforma MLA do Pulse e terá como opção os motores flex 1.0 turbo e 1.3 turbo da Stellantis.

Volkswagen ID.3

O hatch JAC E-JS1 é atualmente o carro elétrico mais barato do Brasil, com tabela de R$ 179.900. A Volkswagen dificilmente vai destronar o chinês no preço. Mas a marca alemã quer popularizar o segmento dos carros a bateria e vai entrar na disputa ainda no 1º semestre deste ano com o hatch elétrico ID.3. Dos lançamentos de 2022, é o mais esperado na categoria.


Mas o Volkswagen ID.3 não será um elétrico barato. Com motor de 150 kW (o equivalente a 204 cv de potência) e um torque de 31,6 mkgf, deve ter preço próximo do Chevrolet Bolt - ou seja, perto dos R$ 300 mil. Contudo, o ID.3 terá vários trunfos, dentre eles o pacote de baterias com capacidade de 58 kWh, que fornecerá autonomia para rodar 426 km.

De Kwid elétrico a Silverado com motor de Camaro

Renault Kwid elétrico
Renault/Divulgação

A disputa entre os carros elétricos será acirrada em 2022. A Renault já confirmou que lançará o Kwid elétrico no Brasil. O hatch virá importado da China e deve chegar ainda no 1º semestre. A francesa não confirma, mas o plano é lançar o modelo como o elétrico mais barato do País. Mesmo assim, deve custar acima de R$ 150 mil - ou seja, não será barato.


lançamentos
GM/Divulgação

E se tem montadora mirando os elétricos, outras planejam lançamentos para agradar a clientela que curte motor a combustão. A Chevrolet, por exemplo, pretende importar do México - até o fim do ano - a 4ª geração da picape grande Silverado. Não está confirmado, mas a grandalhona poderá contar com o mesmo motor 6.2 de 420 cv do Camaro, bem como com o novo Duramax 3.0 turbodiesel de 6 cilindros e 277 cv. Aqui, vai brigar diretamente com RAM 1500 e 2500.


O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Fiat Pulse Drive 1.0 Turbo 200
Oferta exclusiva

Fiat Pulse Drive 1.0 Turbo 200

Deixe sua opinião