Carros elétricos começam a se tornar viáveis

Audi e Porsche mostraram em Frankfurt, na Alemanha, conceitos que prometem rodar 500 km sem recarregar


Porsche Mission E promete ter 500 km de autonomia e quer espaço do Tesla S

Enquanto a Volkswagen sofre as consequências da fraude às emissões de poluentes de seus motores a diesel nos EUA e Europa, ironicamente outras duas marcas do mesmo grupo acabam de apresentar soluções para os dois principais problemas dos carros elétricos: autonomia e tempo para recarga das baterias.

Audi e Porsche levaram ao Salão de Frankfurt, encerrado no domingo, protótipos que prometem pelo menos 500 quilômetros de autonomia. A produção em série dos dois modelos foi confirmada.Se a tecnologia dos carros-conceito for reproduzida nos que serão fabricados em série, será um sinal importante sobre a viabilidade da eletrificação automotiva.

No Mission E, da Porsche, a bateria pode ter 80% da carga recomposta em apenas 15 minutos – isso em tomadas comuns. A recarga total leva cerca de meia hora, segundo dados da fabricante. No modelo conceitual, a potência é de 600 cv. A data de lançamento da versão “de rua” ainda não foi divulgada.

A Audi, que também pertence ao Grupo Volkswagen, levou a Frankfurt o e-tron quattro, que dará origem a um carro totalmente elétrico. O utilitário-esportivo deverá ser batizado de Q6 e começa a ser fabricado em série em 2018. A marca promete autonomia superior a 500 km.

Outro que terá um utilitário 100% elétrico é a Jaguar Land Rover. A notícia foi confirmada pelo presidente do grupo inglês, Ralf Speth, durante a feira alemã. A empresa não revelou detalhes – nem mesmo a marca sob a qual o carro será lançado ou previsão de estreia.

Segundo o diretor de estratégia do grupo, Mike Wright, o desenvolvimento da tecnologia elétrica, ou mesmo de um novo conjunto híbrido, ainda levará bastante tempo para ser concluído, especialmente nos Land Rover. “Eles têm aptidão bem diferente da dos modelos convencionais, pois são bastante usados em condições adversas e locais inóspitos”, explica.

Grande autonomia, portanto, é imperativo, já que será difícil recarregar as baterias durante trilhas e em regiões afastadas. Além disso, é preciso adaptar tecnologias híbridas e elétricas à robustez típica dos modelos da Land Rover.

Por ora, segundo Wright, há outras maneiras de se adaptar às cada vez mais rígidas normas de emissões de poluentes vigentes na Europa e EUA. “Reduzir o peso, com uso de alumínio, é uma delas.” O Jaguar F-Pace, que chega ao Brasil no ano que vem, tem cerca de 80% da estrutura feita desse material.

Porsche Mission E vem para encarar o Tesla.O novo Porsche 911, agora com motor turbo, era uma das duas grandes novidades no estande da marca alemã em Frankfurt. Mas o Mission E – a segunda surpresa – roubou a cena. O protótipo elétrico da Porsche, feito para concorrer com os Tesla, é repleto de tecnologia. E ainda recebeu uma bela embalagem, que o deixou levemente parecido com o próprio 911.

De acordo com dados da fabricante, o Mission E vai de 0 a 100 km/h em menos de 3,5 segundos e a 200 km/h abaixo dos 12 segundos. Mas há outros números tão ou mais importantes: a autonomia chega a 500 quilômetros, graças ao sistema elétrico de 800 volts, o dobro do usual.

Esse recurso possibilita redução do tempo de recarga (80% da recarga é feita em 15 minutos, informa a Porsche), e permite a utilização de cabos mais finos e, portanto, mais leves. O reabastecimento pode ser feito por cabo conectado à lateral da carroceria ou por indução. Nesse caso, basta instalar uma bobina no piso da garagem. A recarga será automática e feita quando o veículo estiver estacionado.

Com tração distribuída pelas quatro rodas e bateria instalada na parte inferior da carroceria, entre os eixos, o Mission E foi projetado para ter alta estabilidade, graças ao baixo centro de gravidade. O protótipo traz dois motores, semelhantes aos que equipam o 919 hybrid, vencedor da 24 Horas de Le Mans (França) deste ano.

Por dentro, o modelo de quatro portas e quatro lugares também tem visual futurista. O painel virtual pode ser comandado por gestos ou mesmo pelo olhar. Um sistema “lê” para onde o motorista está direcionando os olhos e destaca a informação. O carro “reconhece” a posição do condutor e dirige para ele as informações do painel, eliminando a possibilidade de ponto cego.

e-Tron Quattro quer se privilegiar da energia solar.A Audi levou ao Salão um protótipo elétrico capaz de rodar mais de 500 quilômetros sem reabastecer. O e-tron quattro, informalmente chamado de Q6, tem três motores (um para as rodas dianteiras e dois para as de trás), capazes de gerar 432 cv e atingir 500 cv no caso de overboost, potência suplementar para ultrapassagem.
A tração nas quatro rodas é monitorada por um gerenciador de torque. Em estradas sinuosas, por exemplo, o sistema pode variar a força enviada a cada uma das rodas de trás. Além disso, todas são direcionais. Dependendo da situação, as traseiras esterçam na mesma direção das dianteiras, ou mesmo no sentido contrário.

De acordo com informações da marca, o carro vai de 100 km/h em 4,6 segundos. Não é um número excepcional como o de seu “irmão” da Porsche, mas os dois modelos têm algumas semelhanças, embora o da Audi seja um utilitário esportivo, com porte entre o Q5 e o Q7 (4,88 metros de comprimento).

Como o Mission E, o e-tron pode ser recarregado por indução (sem cabos). E tem painel virtual, tecnologia presente nos mais recentes lançamentos da marca, como os novos A4, TT e Q7.

A recarga pode ser feita em fonte de corrente elétrica alternada ou contínua. Segundo a Audi, o processo demora 50 minutos. Há um grande painel solar no teto que capta energia em dias ensolarados para ser enviada à bateria.

Como o protótipo IAA, da Mercedes, o e-tron tem um recurso que altera o formato da carroceria para melhorar sua aerodinâmica. Acima de 80 km/h, a inclinação do capô muda. Com isso, a Audi informa Cx 0,25, índice bem baixo para um carro dessa categoria.

VIAGEM FEITA A CONVITE DA ANFAVEA E JAGUAR LAND ROVER


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas