Você está lendo...
Casamento real: Jaguar E-Type elétrico vira 'carona' da realeza
Notícias

Casamento real: Jaguar E-Type elétrico vira 'carona' da realeza

Jaguar E-Type 1968 que ganhou motor elétrico serviu de 'carona' para o príncipe Harry e a esposa, Meghan Markle

José Antonio Leme

19 de mai, 2018 · 3 minutos de leitura.

casamento real
Jaguar E-Type Zero. CRÉDITO: Steve Parsons/REUTERS
Crédito:

Que a Jaguar Land Rover tem um relacionamento estreito com a realeza britânica, todos já sabíamos. A rainha Elizabeth até dirige alguns de seus Range Rover esporadicamente. Mas a Jaguar fez questão de estar no mais recente momento da família, o casamento real do príncipe Harry e a atriz Megan Markle, agora duque e duquesa de Sussex.

A Jaguar emprestou um E-Type 1968 para o casal sair da recepção do seu casamento. O evento ocorreu no palácio de Windsor, na Inglaterra. A diferença desse modelo é que ele não tem a mecânica original, mas sim um motor elétrico.

Diferenças

Esse carro foi restaurado pela divisão de clássicos da Jaguar. O motor 1.5 original foi trocado por um elétrico que rende o equivalente a 300 cv (220 kW). A bateria de íons de lítio tem o mesmo tamanho e dimensões semelhantes ao motor original.


Se a bateria fica no lugar do propulsor, o novo motor fica alojado no espaço que seria da transmissão, entregando a potência por meio de um diferencial no eixo traseiro. Segundo a marca, o peso foi reduzido em 46 kg em relação ao E-Type original.

Assim, não foi preciso alterar freios, chassi ou suspensões do modelo, além de manter a distribuição de peso entre os eixos dianteiro e traseiro inalterada. A autonomia declarada do E-Type Zero é de 270 km e sua recarga é feita em até seis horas, em uma tomada convencional.

Deixe sua opinião