Você está lendo...
Chinesa BYD fará elétricos em SP
Mercado

Chinesa BYD fará elétricos em SP

Dois ônibus já estão em testes e a minivan E6 aguarda um possível incentivo do governo para fabricar elétricos

09 de jun, 2014 · 3 minutos de leitura.

Publicidade

 Chinesa BYD fará elétricos em SP
Minivan E6 é comercializada em diversas nações como opção para taxis

A partir de agosto a BYD Auto será a nona marca chinesa a entrar no País. A fabricante anunciou que pretende produzir veículos elétricos no estado de São Paulo com um investimento de US$ 100 milhões, cerca de R$ 220 milhões nos próximos cinco anos. Entre os produtos da fabricantes estão o automóvel elétrico E6 e o ônibus K9.

++ Siga o Jornal do Carro no Facebook
++ BMW cria estação de recarga ecológica
++ São Paulo tem desconto de IPVA para elétricos

Publicidade


O transporte coletivo já está em fase de testes e tem uma autonomia de 250 quilômetros. Já a minivan E6, que tem autonomia de 300 km e é comercializada em diversas nações como opção para taxistas, aguarda um estímulo. O carro só não está em uma fase tão avançada de testes porque a BYD acredita que o governo irá mudar os incentivos para os automóveis elétricos.

Recentemente, a Câmara Municipal de São Paulo aprovou um projeto de lei para aumentar o uso de veículos elétricos, híbridos e movidos por hidrogênio, os chamados carros "verdes". A medida prevê uma redução de 50% no IPVA deste tipo de veículo em um limite de cobrança de até R$ 10 mil, ou seja, com veículo que custem até cerca de R$ 150 mil.


Deixe sua opinião