Você está lendo...
Cientistas criam bateria mais eficiente
Tecnologia

Cientistas criam bateria mais eficiente

Pesquisa informa que componente de lítio-ar teria autonomia semelhante à gasolina

03 de nov, 2015 · 3 minutos de leitura.

 Cientistas criam bateria mais eficiente


NSX, que será vendido nos EUA e Europa como Acura, tem baterias de íons de lítioUm novo tipo de produto químico pode contribuir para a maior durabilidade de baterias de íons de lítio, utilizada em veículos elétricos e híbridos. A evolução do componente seria capaz de fazer frente à gasolina nos carros em termos de autonomia. As baterias de íons de lítio alimentam muitos dispositivos móveis há 25 anos, mas expandir essa tecnologia para os automóveis tem se mostrado difícil.

Pesquisadores da Universidade de Cambridge, na Inglaterra, passaram anos procurando uma espécie de bateria conhecida como lítio-ar, ou lítio-oxigênio, que poderia fornecer 10 vezes mais energia e, possivelmente, mais densidade de energia suficiente para ser comparado à gasolina. Ainda segundo a pesquisa, a abordagem mostrou um aumento da eficiência energética de até 93%, e faz isso usando um produto químico diferente do utilizado nas tentativas anteriores: empregando hidróxido de lítio (LiOH) em vez de peróxido de lítio (Li2O2).


"Estamos empolgados com a substância química, mas também temos um monte de trabalho a fazer, em especial para compreender os mecanismos dessa química e otimizá-la para chegarmos o mais perto possível de um sistema de maior eficiência", disse a principal autora da pesquisa, a professora de química Clare Grey.