Você está lendo...
Crise faz Honda adiar nova fábrica no Brasil
Mercado

Crise faz Honda adiar nova fábrica no Brasil

Unidade de Itirapina, que seria inaugurada no ano que vem, agora não tem mais data de estreia confirmada

30 de out, 2015 · 3 minutos de leitura.

 Crise faz Honda adiar nova fábrica no Brasil


HR-V é um dos modelos planejados para produção em Itirapina

A Honda vai adiar a inauguração de sua segunda fábrica de automóveis no Brasil, localizada em Itirapina, no interior de São Paulo. De acordo com comunicado da montadora, "a nova data (de inauguração) será definida conforme a evolução do mercado.


A montadora é uma das únicas que registraram crescimento de vendas no mercado brasileiro este ano. Ainda assim, a Honda, por meio do mesmo comunicado, atribui esse crescimento expressivo ao lançamento do HR-V, que marcou seu ingresso no segmento de utilitários-esportivos compactos (o qual agora lidera), e à renovação recente dos modelos Fit e City.

"Para 2016, a expectativa é manter o mesmo volume (de vendas) deste ano, o que poderá ser suprido pela fábrica de Sumaré (SP)", comunicou a montadora.

Porém, esta unidade, que produz os quatro carros nacionais da Honda (Civic, City, Fit e HR-V), já opera em três turnos. E ainda há fila para obter HR-V - no decorrer do ano, a espera chegou há seis meses.


O planejamento era fazer na fábrica de Itirapina, a partir do ano que vem, o Fit, além de parte da produção do HR-V.

Sem desistência. A Honda ressaltou, no comunicado, que está mantendo os investimentos em Itirapina, que continuam sendo realizados "rigorasamente, de acordo com o cronograma estabelecido."

"A unidade estará pronta para iniciar a produção em massa assim que houver melhor previsibilidade do mercado", informou a empresa.