Vagner Aquino

09/11/2020 - 8 minutos de leitura. Atualizado: 10/11/2020 | 2:18

Dez bons carros usados por até R$ 30 mil

Confira dez opções de usados que podem ser comprados por menos de R$ 30 mil; manutenção e procedência devem ser levados em conta na hora da escolha

usados
Volkswagen Gol é o usado mais comercializado do País Crédito: Sergio Castro/Estadão
Carro

Vai comprar um 0km? Nós te ajudamos a escolher.

O consumidor geralmente tem dúvida se é melhor comprar um carro novo espartano ou procurar boas ofertas em meio àqueles usados mais equipados. Mas, se você tem apenas R$ 30 mil no bolso, de fato, não vai conseguir apelar para um modelo zero km, afinal, os mais baratos do mercado custam quase R$ 40 mil – leia-se Fiat Mobi e Renault Kwid. Para auxiliar nessa dúvida sobre qual veículo levar para casa, separamos uma lista com dez exemplares que não ultrapassam essa faixa de preço.

A escolha por modelos deste preço, claro, tem vantagens e desvantagens, pois, em um usado (mesmo de marca confiável) é possível haver a necessidade de arcar com despesas extras de manutenção. Certamente, o serviço sai mais caro que os custos com um compacto popular zero km. Entretanto, do outro lado da moeda, o consumidor tem a vantagem de levar para a garagem um carro mais equipado e que, quando bem cuidado, pode até parecer mais caro do que realmente foi.

É possível encontrar todos os tipos de modelos, de hatches de entrada a SUVs de luxo (dependendo do ano/modelo, claro). Tem opções para todos os gostos e bolsos, mas é preciso garimpar e, de preferência, levar um mecânico de confiança na hora de fechar negócio.

A rápida reposição de peças e o baixo custo de manutenção devem ser dos quesitos mais estudados na hora da compra. Nesse sentido, o proprietário vai precisar apenas se preocupar com as manutenções periódicas para evitar dores de cabeça. Contudo, o modelo deve atender às necessidades de opcionais e motorização do comprador. Com base nisso, é hora de começar a pesquisar.

usados
Foto: Felipe Rau/Estadão

Usados em alta

De acordo com dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), as transações de veículos usados (automóveis e comerciais leves) em outubro registraram alta de 6,35% sobre setembro. Respectivamente, os números foram de 1.083.467 unidades e 1.018.758. Deste total, os usados com 1 a 3 anos de fabricação representaram 14,33% só no mês passado. Os bons ares são reflexo da manutenção da taxa básica de juros e da oferta de crédito, revela a entidade.

No topo do ranking dessas transações, inclusive, está o Volkswagen Gol. Por cerca de R$ 30 mil, modelos entre 2014 e 2016 são encontrados facilmente. Quanto mais antigo, mais completo e potente. A versão City com motor 1.6, por exemplo, é encontrada a R$ 29,7 mil – modelo 2015.

Outro popular que não sai da moda e pode ser uma boa escolha é o Hyundai HB20. Tem modelo 1.6 (versão Comfort, 2013) a partir de R$ 29 mil com câmbio manual de cinco marchas. Seu primo Kia Picanto (2013) pode ser encontrado por R$ 29.990. A versão 1.0 EX tem motor 12 válvulas bicombustível e câmbio automático.

usados
WS1 SÃO PAULO – 3/03/ 2018 – FOTO: WERTHER SANTANA/ESTADÃO

Duas excelentes opções vêm da Ford. Uma delas, por exemplo, é o Ka SE Plus (2016). Por R$ 30, tem motor 1.0 de 85 cv de potência. O outro é o New Fiesta (2015), também na versão SE – com motor 1.6 -, que também custa redondos R$ 30 mil. Versões 1.5 S com câmbio manual valem o mesmo preço, ou até menos, no mercado.

Carrão a preço baixo

E se você é daqueles que não quer ser só mais um em meio ao trânsito, optar por modelos diferenciados pode ser uma boa solução. Uma das melhores ofertas nesse quesito é o Fiat 500. De acordo com a tabela Fipe, a versão Cult 1.4 Flex 8V EVO (2012) pode ser encontrada ao preço médio de R$ 29.133. O porém aqui o câmbio é Dualogic, que é bem ruim de desempenho. Mas, se a ideia é dar descanso ao pé esquerdo, pode valer a pena, afinal, o carro tem boa mecânica (a mesma do Uno). Resultado: manutenção barata.

usados
SERGIO CASTRO/ESTADÃO

Na lista dos antigos carrões que, hoje, cabem no bolso estão, afinal, Land Rover Freelander (2006, por R$ 29 mil) e Hyundai Santa Fe (2007, por R$ 30 mil). Ambos os jipões têm câmbio automático e são movidos a gasolina, porém, o britânico tem até tração 4×4 para quem curte pegar aquela trilha no final de semana.

Peugeot/Divulgação

Francês

A Peugeot já atualizou a linha 208 no Brasil. Mas, se você não pode pagar os quase R$ 70 mil da versão de entrada, é possível, em contrapartida, conseguir o 208 antigo (2014) por R$ 28,5 mil. Na versão Active, vem com motor Flex de 1,5 litro e câmbio manual de cinco marchas. Para fechar a lista, o modelo mais vendido do Brasil também é muito bem posicionado no mercado de usados. Suas transações beiram as 25 mil unidades mensais. Quer ser mais um comprador, mas não pode pagar mais de R$ 30 mil? Não tem problema, há versões Joy quase zero km (2019) disponíveis no mercado por R$ 29,4 mil.

Inscreva-se no canal do Jornal do Carro no YouTube

Veja vídeos de testes de carros e motos, lançamentos, panoramas, análises, entrevistas e o que acontece no mundo automotivo em outros países!

Inscrever-se

Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais