Emily Nery, para o Jornal do Carro

18/03/2021 - 5 minutos de leitura.

Ford F-150 no Brasil? Registro “quebra-cabeça” aponta que sim

Registro da Ford mostra duas grades de versões diferentes da picape, uma com o motor V6 e outra o V8. Utilitário ficaria posicionado acima da Ranger

Ford F-150 é registrada no Brasil
Ford F-150 é registrada no Brasil Crédito: Ford/Divulgação
Carro

Vai comprar um 0km? Nós te ajudamos a escolher.

Com o fim dos produtos nacionais da Ford, muitos fãs da marca norte-americana confabularam sobre a possibilidade da vinda da emblemática picape F-150 ao Brasil junto à Maverick. Parece que esse sonho está se tornando realidade: a empresa registrou o utilitário no país em forma de “quebra-cabeça”. Ou seja, homologou suas peças separadamente.

Nesta terça-feira, o Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) publicou o registro de alguns elementos da picape grande. Estão na revista os para-choques dianteiros e traseiros, grade dianteira e suas aplicações, porta da caçamba, rodas, capô, espelho retrovisor, faróis e lanternas.

Peças da F-150 homologada no Brasil
Reprodução/INPI

Versão de topo registrada

O mais curioso sobre o registro, é que a montadora homologou duas versões da grade. A primeira, cuja barra é única, adota linhas horizontais no interior e leva espaço para o emblema da Ford ao centro, está presente na versão de topo Limited.

Nos EUA, essa configuração utiliza o motor V6 de 3.5 litros EcoBoost que garante até 400 cv e 56,7 mkgf de torque. A tração é 4×2 de série, mas pagando US$3.425 (R$19 mil na conversão direta) o picape recebe tração nas quatro rodas.

A segunda também dispõe de uma barra que liga os faróis, contudo, seu desenho interno difere da primeira por trazer alguns “traços” horizontais. Essa saída de ar se trata da versão Platinum.

Essa variante utiliza o motorzão V8 de 5.0 litros que entrega até 400 cv de potência e 56,7 mkgf de torque. Assim como a versão de topo, sua configuração é 4×2, mas o cliente pode optar pela tração integral.

Ford F-150 é homolagada no Brasil nas versões Platinum e Limited
Reprodução/Ford e INPI

Planos da Ford podem incluir picapes grandes

Com o intuito de trazer novos produtos com um maior valor agregado, como SUVs e picapes, seria interessante a vinda da F-150 ao Brasil. Ela é a picape mais vendida nos EUA há décadas e completaria a gama de utilitários por aqui. Vale lembrar que já estão confirmados a Maverick, o SUV Bronco Sport, o esportivo Mach E-, a Ranger Black e em um segundo momento o Escape Hybrid.

Inclusive, nossos vizinhos argentinos têm a opção de comprar tanto o SUV Escape Hybrid quanto a picape grandalhona F-150. Desde o ano passado, a empresa levou o utilitário para Argentina, e claro, cresceram os rumores da possibilidade de sua venda no Brasil.

Por lá, a empresa comercializa a versão Raptor e agora, começou a entregar as primeiras unidades da configuração Lariat.

Ford
Picape posicionada abaixo da Ranger, Maverick já foi flagrada na fábrica no México Maverick Truck Club/Reprodução

Por aqui, picape pode chegar a custar meio milhão

Na terra do Tio Sam, a versão intermediária Platinum sai a partir de US$ 59.110, ou R$ 327,5 mil sem a taxação de impostos. Já variante topo de linha Limited começa em US$ 70.825, isto é R$ 392,5 mil na conversão direta.

No entanto, seus preços ficariam bem mais altos do que esse valor e poderiam chegar aos R$ 500 mil. Isso porque a picape não viria do México e sim dos EUA, local onde a picape não se beneficiaria do acordo de livre comércio. Portanto, seria taxada de altos impostos de importação.

Ainda em um segmento com poucas concorrentes, as Ford F-150 disputariam mercado com as RAM 1500 e 2500.

Inscreva-se no canal do Jornal do Carro no YouTube

Veja vídeos de testes de carros e motos, lançamentos, panoramas, análises, entrevistas e o que acontece no mundo automotivo em outros países!

Inscrever-se


Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais