GM fará picape rival da Toro na Argentina

Candidato ao governo argentino, Alberto Fernández fez o anúncio da picape após reunião com executivos da General Motors

picape
Nova picape da GM Crédito: Kleber Pinho da Silva/Projeção

A fábrica da General Motors em Santa Fé, na Argentina, vai produzir uma nova picape intermédiária para brigar com a Fiat Toro e a futura Volkswagen Tarok. O anúncio foi feito pelo candidato a presidência da Argentina, Alberto Fernández, após reunião com executivos da GM.

O modelo será feito em 2021 e faz parte do projeto AVA (Alto Valor Agregado), que receberá aporte de investimento na ordem de US$ 300 milhões.

O anúncio do investimento, não do produto, já havia sido feito pelo governo Macri em 2017. Mas como Fernández saiu na frente nas prévias para as próximas eleições, coube a ele agora a notícia de incentivo à economia local.

A fabrica que fará a nova picape é a mesma do Cruze, que também vai mudar em 2021. Ou seja, as linhas de Santa Fé vão ficar bem animadas nos próximos anos, o que é ótimo para um mercado em queda como o argentino.

Tracker virou uma picape

Antes do anúncio de que o modelo seria uma picape, fontes do sindicato dos trabalhadores de Rosário diziam que o novo modelo seria a nova geração do Tracker. Mas parece que os planos mudaram e que o SUV será feito mesmo é no Brasil.

Segundo uma fonte da GM do Brasil, com a plataforma da nova picape, a fábrica argentina ficaria apta a produzir o Trailblazer, um SUV mais refinado e que casa melhor com a proposta de alto valor agregado de todo o projeto.

Os SUVs mais vendidos de julho


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas