Notícias

Land Rover confirma versão de sete lugares do Defender

Versão cogitada na época do lançamento da nova geração do SUV em 2019 será apresentada pela Land Rover entre o fim de 2022 e o começo de 2023.

Emily Nery, para o Jornal do Carro

13 de mar, 2021 · 5 minutos de leitura.

defender
Nova geração tem visual mais moderno, mas referências ao modelo antigo
Crédito:Land Rover/Divulgação
defender

Desde que o Land Rover Defender renascido foi apresentado no Salão de Frankfurt de 2019, há especulações sobre uma versão de três fileiras e sete lugares. Mas, conforme apontam conversas entre acionistas e a marca, a fabricação do enorme SUV foi confirmada para o final de 2022, começo de 2023.

Foi durante uma ligação em fevereiro deste ano que o diretor financeiro da montadora, Adrian Mardell, afirmou que a produção do Defender 130 já é realidade. De acordo com o Automotive News Europe, Mardell disse que a América do Norte, China e Oriente Médio devem receber o novo produto, cujo tamanho passará dos cinco metros de comprimento.

Dessa forma, o novo Defender terá o mesmo tamanho entre eixos de 3,02 metros do atual 110. Contudo, o comprimento total aumentará cerca de 35 cm, podendo chegar aos 5,10 metros. Isso tornará cerca de 15 cm mais longo que o Discovery, modelo que também oferece três fileiras.

Embora a marca não tenha dado informações sobre o trem de força do Defender 130, não há limitações para essa escolha. Ele poderia usar o motor P300 2.0 turbo de quatro cilindros e 300 cv. Ou também pode disponibilizar o propulsor a diesel de seis cilindros em linha de 3,0 litros com 400 cv.. Assim, o SUV de três fileiras poderá até utilizar o conjunto mecânico híbrido plug-in P400e.

Versão de três fileiras do Land RoverDefender poderá ter motorização híbrida plug-in
Versão de três fileiras do Land Rover Defender poderá ter motorização híbrida plug-in Divulgação/Land Rover

Na Europa as opções D200, D250 e D300 do clássico jipe dispõem de um sistema híbrido leve que trabalha junto com um motor de seis cilindros a diesel. Mesmo improvável a comercialização do novo SUV no velho continente, essa propulsão ajudaria o modelo na economia de combustível pela recuperação de energia nas frenagens.

Motor V8 para tracionar um carro de oito pessoas

Por último, é quase certo que ele adote o motorzão V8, como nas novas versões de topo da gama do Defender 90 e 110. Ou seja, nas versões de duas e quatro portas, respectivamente.

Land Rover Defender V8 Carpathian Edition
Divulgação/Land Rover

Na prática, ele é o mesmo que equipa o Land Rover Vogue e Sport: V8 de 5.0 litros que garante até 525 cv de potência e 63,7 mkgf de torque. Isso faz com que o Defender mais potente da história saia da inércia aos 100 km/h em 5,2 segundos e atinja a velocidade máxima de 240 km/h.

Vale lembrar que, a partir de 2025, a Jaguar só fabricará veículos elétricos. A Land Rover apresentará seu primeiro elétrico em 2024 e gradualmente, abandonará seus motores a diesel.

O novo Defender entrará na briga com o Mercedes GLS e o BMW X7. Não há previsão para sua vinda ao Brasil. Atualmente, a Land Rover oferece a versão de duas fileiras do jipe por aqui.



Continua depois do anúncio