Vagner Aquino

10/12/2020 - 8 minutos de leitura.

Marcas de carros de luxo oferecem de mel a móveis, de relógios a perfume

Riquices ligadas às montadoras tem relógios, whisky, tequila, perfume e até pote de mel; valores de alguns itens de luxo beiram o absurdo

luxo
Rolls-Royce é uma das marcas com produtos de luxo que vão além de carros Crédito: Rolls-Royce/Divulgação
Carro

Vai comprar um 0km? Nós te ajudamos a escolher.

A partir de agora, o assunto é glamour e luxo no mundo automotivo. A curiosidade aqui vai além do mundo das quatro rodas e encontra diversos outros tipos de produtos que estão à venda, mas sob a tutela das montadoras. E tem gente, sim, que gasta esse dinheirão todo pra consumir tanta riqueza.

A Bentley, por exemplo, famosíssima por seus carros de alto luxo, já produziu mel. A britânica, em 2019, optou por investir em um novo nicho. Mas não foi à toa, afinal, a instalação das primeiras duas colmeias foram feitas na fábrica de Crewe (Inglaterra) impulsionada por uma iniciativa ambiental da fabricante.

Foram meses até o início da produção dos primeiros 100 potes, oferecidos para funcionários da empresa e visitantes da unidade industrial. Os produtos, todavia, não foram vendidos. Mas nem por isso, a Bentley abriu mão dos detalhes. O toque especial, nos rótulos, foi dado por Louise McCallum, responsável pelo design interior dos carros da montadora. É um souvenir e tanto pra se guardar de recordação, não é mesmo?

Mais Bentley

E não parou por aí. Nesse sentido, recentemente – para sermos mais precisos, em junho deste ano -, a fabricante lançou uma linha de móveis, com sofá, poltronas e cama. Os preços, evidentemente, pesam no bolso. Para se ter ideia, só o “Newent Sofa” foi lançado por nada menos que US$ 14.710, ou R$ 76 mil na conversão direta. Assinados pelo arquiteto italiano Carlo Colombo, as mobílias podem ser configuradas pelos clientes, desde a estrutura ao revestimento.

luxo
Bentley Home/Divulgação

A Bentley Home fabrica móveis de luxo desde 2013. A marca, todavia, é de responsabilidade do grupo Luxury Living – que também comanda as linhas de móveis de marcas como a Bugatti, por exemplo.

Uísque que é um luxo só

Mas, ainda falando em marca inglesa, a Aston Martin também resolveu experimentar novos ares. Afinal, esse mercado de luxo é estratégico e fundamental para a difusão de qualquer marca. Neste caso, a exclusividade foi tanta que o produto foi limitado a apenas 25 unidades. Em parceria com a destilaria Bowmore, a empresa decidiu fazer whisky.

aston martin
Aston Martin/Divulgação

Sim! batizado de Black Bowmore DB5 1964, o conceito, a princípio, nada mais é que uma garrafa produzida com vidro de um pistão original do esportivo DB5 para o whisky. Para conhecimento, a inscrição 1964 contida no nome revela marcos importantes conquistados naquele ano por ambas as marcas. Para a Aston Martin, trata-se da comemoração do início de vendas do DB5. Já no caso da destilaria, foi o ano da modernização da empresa (passou do carvão para o vapor), nascida há mais de 240 anos.

Tesla

Atravessando o Oceano Atlântico, a norte-americana Tesla não se contentou com o sucesso no mundo dos carros elétricos e quis mais. Recentemente, a marca do multimilionário, Elon Musk, também passou a se aventurar por outras estradas. A estrada do álcool, bem dizer. A marca, em novembro, lançou a Tesla Tequila. Cada garrafa foi precificada em US$ 250 (cerca de R$ 1.290). Detalhe: no dia da estreia já não haviam mais produtos à venda. A quantidade era limitada e a produção foi feita pela Nosotros Tequila.

luxo
Tesla/Divulgação

Já a Fórmula 1 foi bater na porta do visionário designer Ross Lovegrove para criar, junto à Designer Parfums, seu perfume exclusivo. Os frascos feitos com impressão em 3D – apresentados durante o Grande Prêmio de Abu Dhabi do ano passado – fugiam da forma óbvia como a de um carro de F1. Lovegrove quis ir para longe do previsível e optou por uma estética que combinava alta tecnologia e refinamento, assim como os carros de corrida recentes. Os frascos, aliás, lembram troféus.

Relógio custa 1/5 do carro

Enquanto no Brasil tem montadora vendendo carro em shopping, na Europa, a galera veste o carro. Na verdade, usa no pulso. Nesta semana, a Lamborghini lançou um relógio inspirado no Huracan STO. Para lá de chique e assinado pela fabricante suíça Roger Dubuis, o Excalibur Spider Huracan STO custa 1/5 do valor do carro! São 88 exemplares. Cada um, a US$ 56.500 (R$ 292 mil). Corre, que ainda dá tempo!

luxo
Roger Dubuis/Divulgação

E você achou, mesmo, que a gente ia finalizar esse conteúdo recheado de mimos exclusivos sem falar em miniaturas? Para quem não se lembra, em meados do ano, a Rolls-Royce lançou a escala 1:8 do SUV de luxo Cullinan. Riquíssimo em detalhes, o brinquedo tem preço bastante salgado: a partir de US$ 15 mil – quase R$ 77,6 mil.

cullinan
Rolls-Royce/Divulgação

Mas o resultado compensa o gasto, afinal, a réplica é feita à mão e tem detalhes extremamente fieis ao modelo original. Até o acendimento das luzes é real – e comandadas por controle remoto. O processo de fabricação demora mais de 450 horas. Assim como acontece na linha de montagem do veículo em tamanho real, a miniatura (que chega numa caixa de quase 1 metro de comprimento) oferece as diversas referências de pintura disponíveis no catálogo da marca.

E se você tivesse todo o dinheiro do mundo? Optaria por alguma dessas excentricidades?

Inscreva-se no canal do Jornal do Carro no YouTube

Veja vídeos de testes de carros e motos, lançamentos, panoramas, análises, entrevistas e o que acontece no mundo automotivo em outros países!

Inscrever-se

Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais