Mercedes-Benz interrompe projetos de motores a combustão

Chefe de desenvolvimento da Mercedes-Benz confirma que marca não está desenvolvendo motores a combustão

mercedes-benz
NÃO HAVERÁ UMA PRÓXIMA GERAÇÃO DE MOTORES A COMBUSTÃO Crédito: MERCEDES-BENZ/DIVULGAÇÃO

A Mercedes-Benz deu o tipo de notícia que nenhum entusiasta gostaria de ouvir de uma das principais marcas de automóveis do País. A empresa confirmou que está suspendendo o desenvolvimento de motores a combustão da marca por tempo indeterminado. A informação é da publicação alemã Auto Motor und Sport.

Essa decisão vem ao encontro da “mudança de chave” no grupo Daimler, que controla a Mercedes-Benz, e está focado no desenvolvimento de veículos elétricos – e que demanda muito dinheiro. A empresa recentemente renovou quase toda a gama de motores, colocando à venda, inclusive, um seis cilindros em linha que não usava há muito tempo.

Além disso, o chefe de desenvolvimento da Daimler, Markus Schaefer, confirmou que o foco principal está na eletrificação, motores elétricos e desenvolvimento de baterias mais eficientes.

Segundo Schaefer, a suspensão no desenvolvimento de veículos a combustão não é sobre falta de dinheiro, mas sim sobre capacidade intelectual. A proposta é pegar toda a capacidade inventiva dos engenheiros da companhia e levar para a área de elétricos. Ele também reforçou que o orçamento continua “em alto nível”.

Os carros que foram destaques de vendas em agosto:


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas