Você está lendo...
Nissan lança o SUV elétrico Ariya com autonomia de até 480 km
Notícias

Nissan lança o SUV elétrico Ariya com autonomia de até 480 km

Nissan Ariya é a aposta elétrica da marca para os mercados globais. SUV começa a ser produzido no fim do ano e chega às concessionárias em 2021

Redação

15 de jul, 2020 · 3 minutos de leitura.

Nissan
Nissan Ariya
Crédito:Nissan/Divulgação

No mundo automotivo, quando um carro é mostrado como conceito e ganha as ruas preservando o mesmo visual diferentão característico dos protótipos, ele chama atenção do mercado. Assim é o novo SUV elétrico Nissan Ariya.

Do lado de fora, o conceito e o modelo de produção são quase indistinguíveis. O Ariya tem um painel liso e brilhante na frente, no lugar de uma grade tradicional, com um painel texturizado por baixo e iluminação acentuada nos faróis auxiliares.

O mesmo perfil curvilíneo e esquema de pintura em dois tons permanecem no carro de produção. A única diferença mais significativa está no entre-eixos visivelmente mais longo. Até as rodas são iguais às do conceito.


O interior tem um painel minimalista, com duas telas 12,3 polegadas para instrumentos e navegação. Há Apple CarPlay, Android Auto e integração com assistente Alexa da Amazon.
Os botões capacitivos do conceito envoltos em madeira também continuam no carro de produção. Assim como a ausência de um console central muito invasivo.

A Nissan oferecerá dois motores para o Ariya. Na versão básica, um motor para as rodas dianteiras gera 215 cv. Acima disso há dois motores, um em cada eixo, gerando tração integral e 389 cv. Mas a configuração será sempre de tração dianteira.


Quanto às baterias, a básica é uma unidade de 63 kWh, com autonomia de 320 km. Uma outra de 87 kWh está disponível de forma opcional ou de série para a versão mais potente. Esta garante autonomia de até 480 km.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se