Você está lendo...
Novo Audi A4 chega até fevereiro
Lançamentos

Novo Audi A4 chega até fevereiro

Novidades da marca para os próximos meses inclui Q7, TTS e Roadster, RS3 e A3 Sedan nacional

01 de jul, 2015 · 5 minutos de leitura.

 Novo Audi A4 chega até fevereiro


A1 reestilizado chega ao Brasil em agosto

A Audi se prepara para lançar no Brasil a nova geração do A4, cujas fotos foram reveladas nesta semana e a estreia mundial ocorrerá no Salão de Frankfurt (Alemanha), em setembro. A previsão é que o sedã chegue às concessionárias brasileiras no primeiro trimestre de 2016, possivelmente entre janeiro e fevereiro.


O sedã teve suas dimensões ampliadas, entre elas o comprimento e entre-eixos. Ainda assim, graças ao uso de novos materiais, está 120 quilos mais leve que a geração atual. Entre as inovações internas está a tela multifuncional de 12,3 polegadas.

Antes da chegada do A4, a Audi se prepara para uma grande ofensiva de produtos no País. Ainda neste semestre, vão desembarcar no Brasil o A1 reestilizado, a nova geração do Q7, o esportivo RS3 e mais versões da linha TT. Além disso, será lançado o A3 Sedan nacional.

O A1, que recebeu reestilização no fim do ano passado na Europa, chegará às concessionárias da Audi do País em agosto. Entre as alterações, a mais notável é na grade frontal. Como no Q3, cuja linha 2016 acaba de ser lançada por preço inicial de R$ 127.190, a dianteira adota a nova identidade dos carros da Audi.


Para o fim do terceiro trimestre estão previstas as chegadas de duas linhas, a Q7 e a TT, além do RS3. O utilitário-esportivo chegará inicialmente com o motor 3.0 V6, que gera 333 cv de potência e é capaz de levar o veículo de 0 a 100 km/h em 6,1 segundos, de acordo com informações da montadora.

Já o TT, cuja versão cupê chegou às autorizadas na primeira metade do ano, passará a ter outras três opções no País: conversível e a versão S tanto para o cupê como para o modelo aberto. O TT Roadster deverá trazer o mesmo motor 2.0 turbo, de 230 cv, do cupê. No caso do TTS, o 2.0 entrega 310 cv e a tração é nas quatro rodas (Quattro).

O mesmo tipo de tração está disponível no RS3, modelo mais rápido da linha A3. Disponível na carroceria Sportback, de quatro portas, ele conta com propulsor 2.5 turbo de 367 cv. De acordo com informações da Audi, acelera de 0 a 100 km/h em 4,3 segundos.


Para finalizar o ano, estará nas lojas em novembro o A3 Sedan nacional. O modelo, primeiro a ser feito em São José dos Pinhais (PR) na segunda fase de produção da Audi no País (a primeira foi encerrada em 2005), marcará a estreia do motor flexível da marca.

O motor é o mesmo 1.4 turbo que já o equipa atualmente. Da família EA 211, será produzido na planta da Volkswagen, dona da Audi, em São Carlos (SP), e utilizado também no Golf nacional - a ser lançado no ano que vem.

O Q3 nacional, que também chega em 2016, será o terceiro modelo a utilizar este propulsor.


Deixe sua opinião