Notícias

Novo Puma continua mudança de estilo da Ford

Modelo tem linhas parecidas com as do Kuga e é recheado de tecnologia. Puma tem até desativação de cilindros

Redação

26 de jun, 2019 · 5 minutos de leitura.

puma" >
Novo SUV tem visual atlético e muita tecnologia a bordo
Crédito:Foto: Ford/Divulgação
puma

A Ford finalmente revelou por completo o Puma, um SUV baseado na nova geração do Fiesta europeu. O modelo tem visual esportivo e guarda muitas semelhanças com o Kuga, também renovado para 2020. O modelo será produzido na Romênia e começará a ser vendido na Europa até o fim deste ano.

INSCREVA-SE NO CANAL DO JORNAL DO CARRO NO YOUTUBE

O modelo é o quarto a adotar as linhas mais recentes de design da Ford. O modelo tem capô em cunha e linha de cintura alta, com uma elevação na porta traseira. O Puma, no entanto, é ligeiramente mais radical, com faróis menores e verticalizados, menos conservador do que a dianteira do Kuga.

puma
Ford/Divulgação

Semi-híbrido

Sob o capô, inicialmente, Puma terá apenas um motor 1.0 turbo com duas configurações. Uma com 125 cv e outra com 155 cv. A primeira chegou a ser oferecida no Fiesta que era vendido no Brasil. Por enquanto apenas uma transmissão manual de seis marchas foi revelada, mas o Puma deverá ter opções com caixa de dupla embreagem e ainda uma versão a diesel.

Os dois 1.0 são acoplados a um alternador de alta capacidade e têm sistema elétrico de 48 volts. O sistema consegue armazenar energia e ajudar o motor a combustão em arrancadas e reduzir o consumo. Segundo a Ford, o sistema semi-híbrido permitiu à marca reduzir a taxa de compressão do 1.0 de três cilindros e instalar turbos maiores, aumentando potência e recalibrando a distribuição de torque.

SIGA O JORNAL DO CARRO NO INSTAGRAM

Os motores ainda são os primeiros três em linha com desativação de cilindros. Em velocidade de cruzeiro ou sem carga, um dos cilindros pode ser desativado. Caso haja mais demanda de força, o cilindro desligado pode ser reativado em 14 milissegundos.

puma
Ford/Divulgação

Tecnologia

O SUV ainda é recheado de tecnologias como controle de cruzeiro adaptativo com função para-e-anda e reconhecimento de placas. Segundo a Ford, o Puma também é o primeiro SUV do segmento a ter câmera traseira com ângulo de 180°.

Há também um sistema capaz de detectar carros em baixa velocidade ou estacionados e ajudar numa manobra evasiva. Outro sistema do Puma é o que pode alertar o motorista sobre sentido errado da via.

A Ford também caprichou na cabine do modelo. O Puma pode ter até bancos dianteiros com massagem. Há ainda painel virtual com tela de 12,3 polegadas configurável e central multimídia com Android Auto e CarPlay. O Puma será apresentado no Salão de Frankfurt e , por enquanto, só deverá ser vendido na Europa.

Segundo Puma

Essa é a segunda vez que a Ford usa o nome Puma em um de seus carros. O primeiro Puma era um charmoso cupê feito na Alemanha entre 1997 e 2002. Curiosamente, o modelo também era baseado no Fiesta, ainda da segunda geração, a primeira fabricada no Brasil.

puma
Ford/Divulgação