Os SUVs são a salvação das marcas de luxo

Bentayga, Urus, Cullinan e DBX vem fazendo as vendas de suas marcas atingirem níveis recorde. Ferrari também se prepara para entrar na briga de SUVs

suvs
Cullinan fez Rolls-Royce atingir vendas recorde Crédito: Rolls-Royce/Divulgação

A Rolls-Royce não poderia estar mais satisfeita por ter entrado no mundo dos SUVs. A marca viu suas vendas aumentarem 25% em 2019 graças ao lançamento do SUV Cullinan. Foram 5.152 carros entregues no ano passdado que, além de um recorde absoluto nos 116 anos de história da marca, representam alta de 1.045 carros em relação a 2018.

INSCREVA-SE NO CANAL DO JORNAL DO CARRO NO YOUTUBE

A demanda pelos outros carros da marca, Phantom, Ghost, Wraith e Dawn foi mais forte, mas o SUV foi determinante para a disparada nas vendas. Nem mesmo o visual “diferentão” do Cullinan pareceu afastar os compradores. Pelo contrário, as linhas únicas do SUV de alto luxo fizeram sucesso absoluto.

Os números da Rolls-Royce só comprovam o que o mercado vem demonstrando há anos. Os SUVs são a salvação das marcas de luxo. A Aston Martin está lançando o DBX, seu primeiro SUV, já descrito pelo CEO da marca como o modelo mais importante da história da Aston.

Segundo o CEO da marca inglesa, Andy Palmer, a importância do DBX está em colocar a Aston Martin em todos os segmentos do mercado de luxo. A marca já tem esportivos, conversíveis e um sedã, e agora um SUV completará a gama.

Oferta criou demanda

Ainda assim, segundo Palmer, o segmento de SUVs de alto luxo cresceu de acordo com a demanda. “Antes do Bentley Bentayga, não havia procura por este tipo de carro, nem por um SUV da Lamborghini ou Rolls-Royce”, afirma o executivo.

O Bentayga, aliás também tem tido papel crucial no aumento das vendas da Bentley. A marca fechou 2019 com mais de 11 mil carros entregues globalmente. É apenas o quarto ano que a marca ultrapassa as 11 mil unidades em 100 anos de história.

Na Lamborghini, o Urus fez as vendas da marca saltarem nada menos que 43% em 2019. O modelo já corresponde por 61% dos carros vendidos pela marca. O ano de 2019 foi o melhor de sua história.

“A equipe entregou outro crescimento substancial nas vendas, nos levando a um marco sem precedentes”, afirmou o CEO da Lamborghini, Stefano Domenicali. Em dois anos, a marca duplicou as vendas, deixando clara a importância do Urus para o crescimento.

Além de venderem mais, os SUVs também ajudam a subir as vendas de outros modelos das marcas. Bentley, Aston Martin, Rolls-Royce e Lamborghini também viram seus esportivos terem vendas melhores após o lançamento dos SUVs. E das marcas de luxo, apenas o Bentayga não é, respectivamente, o mais vendido em sua gama, perdendo para o Continental GT.

Ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais

Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais