Você está lendo...
Patinetes da Lime começam a operar no Rio e em São Paulo
Notícias

Patinetes da Lime começam a operar no Rio e em São Paulo

Patinetes elétricos estarão na zona oeste da capital paulista e região sul carioca. Lime vai promover aulas para ensinar usuários a andarem de forma mais segura

Redação

04 de jul, 2019 · 3 minutos de leitura.

lime
Aplicativo da Lime mostra percentual de bateria dos patinetes escolhidos
Crédito:Foto: Benoit Tessier/Reuters
lime

São Paulo e Rio de Janeiro têm uma nova operadora de patinetes elétricos. A Lime iniciou as atividades na capital paulista na última terça-feira (2) e começa a atuar nesta quinta (4) no Rio.

INSCREVA-SE NO CANAL DO JORNAL DO CARRO NO YOUTUBE

Segundo a empresa, os patinetes têm bateria de alta duração com percentual de carga exibido no aplicativo. Também têm farol e luz de freio, bem como aviso sonoro quando é travado ou destravado. Os mapas da Lime também são conectados ao Google Maps, e mostram estimativas de tempo e custo do percurso desejado.


Assim como outras operadoras, há geração de renda para parceiros autônomos que trabalharão recolhendo os patinetes e levando-os de volta para as áreas delimitadas pela Lime.

A empresa também fez parcerias com supermercados, como Pão de Açúcar e Extra. As lojas vão oferecer espaços de estacionamento para os patinetes da Lime.

E para tentar contornar problemas relacionados a acidentes com usuários, a Lime terá a "First Ride Academy", que vai realizar treinamentos aos fins de semana. Os usuários poderão treinar como conduzir de forma mais segura. O primeiro será gratuito no próximo sábado no Largo da Batata, zona oeste da capital paulista.


SIGA O JORNAL DO CARRO NO INSTAGRAM

Disponibilidade

Em São Paulo, os patinetes estarão disponíveis inicialmente nos bairros de Pinheiros, Vila Olímpia, Itaim, Brooklin e Vila Nova Conceição. No Rio, estarão entre os bairros de Leme e Gávea, incluindo as orlas de Copacabana, Ipanema e Leblon. O preço é o mesmo de concorrentes como Yellow e Grin. São R$ 3 para destravar o patinete e R$ 0,50 por minuto de uso.

A empresa já opera no México, Chile, Colômbia e Uruguai. Também opera nos Estados Unidos e em alguns países da Europa, como a França. A Lime tem como principal investidora a Uber, que injetou US$ 335 milhões na companhia em 2018.


lime
Lucy Nicholson/Reuters