Lançamentos

RAM divulga teaser da nova picape que a marca lançará no Brasil

Marca de picapes da Stellantis, RAM vai modernizar e expandir concessionárias no Brasil, e confirmou que vai lançar novo modelo ainda em 2021

Jady Peroni, Especial para o Jornal do Carro

11 de ago, 2021 · 7 minutos de leitura.

RAM 3500" >
RAM confirma lançamento do Brasil de mais uma picape até o fim do ano, e modelo será a RAM 3500
Crédito:RAM/Divulgação

A RAM, marca de picapes da Stellantis, anunciou nesta quarta-feira (11) algumas novidades para o mercado brasileiro. Dentre elas, a marca confirmou que vai lançar mais uma picape no Brasil ainda em 2021. Tal como sugere o teaser (abaixo) revelado na apresentação, trata-se da RAM 3500 Heavy Duty, que está prevista para chegar ao País em novembro.

Equipada com motor 6.7 turbo diesel de 400 cv e impressionantes 148 mkgf de torque máximo, a RAM 3500 pode carregar até 17 mil kg. O motor é gerenciado por uma transmissão automática de 8 marchas, e a picape tem tração integral. Ou seja, é perfeita para os clientes do agronegócio. Justamente o público que a empresa vai cultivar daqui em diante.

RAM picape
RAM/Divulgação

Se há alguns meses o site oficial da RAM não tinha veículos à venda, agora, a marca já oferece duas picapes de grande porte, a 1500 e a 2500. De acordo com o diretor comercial, Everton Kudejac, neste ano de 2021, os modelos já somam 2.100 emplacamentos. Portanto, isso faz com que o Brasil seja um dos maiores mercados da marca no mundo.

Na coletiva, os executivos da fabricante afirmaram que o primeiro semestre de 2021 registrou recorde de vendas da RAM no mundo. Nesse sentido, o mês de julho foi o maior de vendas da marca no País.

Grandes novidades

A princípio, a RAM divulgou algumas novidades sobre os seus serviços e atendimentos. Uma das grandes apostas da montadora é o "Barter RAM", programa de vendas para clientes do agronegócio. Esta é uma tendência de negócios para as fabricantes de carros. Na modalidade, a venda do veículos 0-km é realizada através de uma permuta por grãos brasileiros, como soja e milho.

Apesar de ainda estar na fase piloto, a RAM já realizou vendas neste novo formato de vendas, e afirma que vai estender para comércio de outras culturas de grãos.

RAM 1500
Divulgação/RAM

Uma outra jogada que está sendo essencial é a iniciativa de recompra garantida: o "Next RAM". Nele, há um programa de fidelidade que funciona por meio do financiamento de veículos. Entre as possibilidades, está a de usar prazos diferenciados como, por exemplo, parcelas semestrais. Ou seja, a marca garante a recompra do modelo usado neste período. E esse valor é utilizado como entrada em uma nova picape.

Além disso, agora o cliente consegue reservar um modelo de forma totalmente online. E o test drive está disponível. Portanto, os clientes podem testar os dois modelos antes de realizar a compra.



Principais mudanças

Seguindo nessa onda, a RAM vai apresentar concessionárias mais modernas. Assim, uma das principais novidades é um serviço especializado de pós-venda, com atendimento individual.

Da mesma forma, o pós-venda contará com uma nova linha de acessórios. Até o momento, a RAM oferecia uma gama completa de produtos importados. Mas, agora, haverá produtos nacionais, originais, em valores muito competitivos.

Continua depois do anúncio
RAM 2500
Divulgação/RAM

Nova picape nacional

Nós sabemos que as picapes RAM são grandes para os padrões brasileiros, pois são feitas para o mercado norte-americano. O que também influencia nos valores altos. Contudo, aos amantes de picapes, a marca do cabrito montês tem planos de produzir um modelo no Brasil.

A montagem será na fábrica da Stellantis, em Goiana (PE). Lá são feitos, atualmente, os Jeeps Compass e Renegade, além da picape Fiat Toro. Nos planos da RAM está uma picape média com chassi em monobloco, sobre a base Small Wide, que em breve dará origem ao Jeep Commander, novo SUV nacional de 7 lugares que a marca lançará no final de 2021.

Com porte de Toyota Hilux, a futura picape nacional da RAM deverá ser uma de suas principais concorrentes. Questionado pelo Jornal do Carro na coletiva, o diretor da RAM, Breno Kamei, esquivou-se e disse que não abriria detalhes do futuro. "Quando decidimos investir na expansão da marca, olhamos o segmento de picapes como um todo. Então, está tudo no nosso radar. Esperamos em breve trazer mais novidades", resumiu.

De olho no futuro

De acordo com os executivos da Stellantis, a RAM tem um planejamento muito forte de eletrificação dos produtos para os próximos anos. Adicionando ao seu catálogo, inclusive, uma picape híbrida. Entretanto, a marca não deu detalhes de quando terá a novidade.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se