Você está lendo...
Renault anuncia novos presidente e CEO após saída de Ghosn
Notícias

Renault anuncia novos presidente e CEO após saída de Ghosn

Empresa separou cargos de presidente do conselho e CEO da Renault, que eram acumulados por Carlos Ghosn; o executivo está preso

Redação

25 de jan, 2019 · 2 minutos de leitura.

renault
Jean-Dominique Senard (esq.) Thierry Bolloré (dir.) assumem o comando da Renault
Crédito:Foto: Renault/Divulgação
renault

Após a renúncia de Carlos Ghosn aos cargos de presidente do conselho administrativo e CEO da Renault, a empresa resolveu dissociar as duas atribuições. A decisão foi do próprio conselho, que poderá alterar o comando da Renault se julgar necessário. O novo CEO da marca é o francês Thierry Bolloré.

Já o conselho passa a ser presidido por Jean-Dominique Senard. Ele será responsável por supervisionar o funcionamento da Aliança Renault-Nissan e ser o principal interlocutor com os outros parceiros da Aliança, como a Nissan e a Mitsubishi.

Renault terá comando separado

O CEO ficará abaixo do presidente do conselho, e vai comandar a empresa nos campos operacionais. Os dois cargos eram acumulados por Carlos Ghosn. O executivo está preso no Japão, acusado de violação de leis financeiras do país.


A promotoria de Tóquio acusa Ghosn de esconder ganhos milionários vindos da Nissan e de usar recursos da empresa para compensar perdas pessoais. No início da semana, a Justiça japonesa negou um pedido de fiança para soltar Ghosn. Os japoneses consideraram que há risco de fuga do país por parte do brasileiro.

Deixe sua opinião