São Paulo é uma das piores cidades do mundo para se dirigir

Estudo revela que São Paulo ocupa a 94ª posição em um ranking entre as 100 melhores e piores cidades do mundo para quem dirige

Queda de passarela marginal tietê
Congestionamentos, como o de sexta-feira (14) à noite em São Paulo, motivado pela queda de uma passarela, são comuns na cidade Crédito: Daniel Teixeira/Estadão

O caos no trânsito motivado pela queda de uma passarela na sexta-feira à noite em São Paulo, na Marginal Tietê, só comprovou o resultado de uma pesquisa conduzida pela empresa francesa Mister Auto: São Paulo é uma das piores cidades do mundo para o motorista. Em um ranking que reuniu 100 cidades ao redor do globo, a capital paulista ocupa a 94ª posição.

INSCREVA-SE NO CANAL DO JORNAL DO CARRO NO YOUTUBE

 

Outras duas cidades brasileiras aparecem na lista. Salvador ocupa a 70ª posição, enquanto o Rio de Janeiro ficou com o 92º posto, duas à frente de São Paulo.

Para fazer o estudo, a empresa, que é uma rede varejista de autopeças pertencente à PSA (Peugeot Citroën), analisou diversos fatores, como a relação entre carros por habitantes, média de congestionamento diário, qualidade de pavimentação, qualidade do transporte público, velocidade média do trânsito, qualidade do ar, idade média da frota, taxa de mortalidade motivada por acidentes, etc.

Calgary, no Canadá, é a primeira do ranking; Mumbai, na Índia, é a última

Segundo o levantamento, a cidade mais bem avaliada foi Calgary, no Canadá, que obteve o total de 100 pontos no ranking. Na segunda posição aparece Dubai, nos Emirados Árabes, seguida de outra cidade canadense, Ottawa, capital do país.



Como seria de se supor, o ranking é encabeçado por cidades localizadas em países desenvolvidos. Na América do Sul, a melhor cidade para se dirigir de acordo com o ranking é Buenos Aires, na Argentina, que aparece na 63ª colocação.

As últimas dez cidades do ranking de 100 tem apenas duas capitais européias: Atenas, na Grécia, aparece na 90ª colocação, enquanto Moscow, na Rússia, ocupa o 91ª lugar.

Depois vêm Rio de Janeiro, Cidade do México e São Paulo. Na última posição aparece Mumbai, na Índia.

Dois anos da vida são gastos atrás do volante

Segundo a empresa, a importância da pesquisa está no fato de que na média os motoristas passam dois anos de suas vidas atrás do volante.

Embora o estudo tenha revelado o ranking de 100 cidades, a Mister Auto informa que inicialmente foram pesquisadas centenas de locais, para só então chegar à seleção final.

O balanço mostra ainda algumas curiosidades. É o caso, por exemplo, do preço médio de estacionamento. Segundo a pesquisa, as cidades mais caras neste quesito são Sydney, na Austrália, e Nova York, nos EUA. Para se ter uma ideia, duas horas de estacionamento em Sydney pode custar o equivalente a R$ 164.

Oslo, na Noruega, tem a gasolina mais cara (cerca de R$ 8 o litro).

Confira a lista das dez melhores cidades para motoristas

1º – Calgary (Canadá)
2º – Dubai (Emirados Árabes Unidos)
3º – Ottawa (Canadá)
4º – Berna (Suíça)
5º – El Paso (EUA)
6º – Vancouver (Canadá)
7º – Gotemburgo (Suécia)
8º – Dusseldorf (Alemanha)
9º – Basiléia (Suíça)
10º – Dortmund (Alemanha)

…E as dez piores

91º – Moscow (Rússia)
92º – Rio de Janeiro (Brasil)
93º – Cidade do México (México)
94º – São Paulo (Brasil)
95º – Bogotá (Colômbia)
96º – Karachi (Paquistão)
97º – Lagos (Nigéria)
98º – Kolkata (Índia)
99º – Ulaanbaatar (Mongólia)
100º – Mumbai (Índia)

Fonte: Mister Auto

Ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas