Você está lendo...
Segredo: Polo 2023 será primeiro híbrido flex da Volkswagen no Brasil
Notícias

Segredo: Polo 2023 será primeiro híbrido flex da Volkswagen no Brasil

Volkswagen prepara sistema híbrido leve flex para o novo Polo com motor 1.0 TSI; tecnologia MHEV adiciona unidade elétrica e bateria de 48V

Vagner Aquino, especial para o Jornal do Carro

02 de mai, 2022 · 6 minutos de leitura.

híbrido
Novo Volkswagen Polo deve chegar em meados do ano como linha 2023
Crédito:Volkswagen/Divulgação

A Volkswagen vive uma fase de transição no Brasil. A falta de chips e outros componentes paralisa constantemente as fábricas da marca desde 2021. Além disso, com a proximidade do fim dos medalhões Gol e Voyage, a alemã logo mudará sua gama nacional. E, para tanto, a VW prepara uma grande novidade para o Brasil: o Polo 2023 com sistema híbrido flex.

Há menos de um ano, o Jornal do Carro antecipou que a montadora trabalhava em um sistema híbrido flexível para os carros nacionais. Pois, de acordo com reportagem do jornalista Marlos Ney Vidal, do site Autos Segredos, o primeiro Volkswagen com a tecnologia híbrida flex no Brasil será o Polo. E, para marcar o feito, terá sobrenome eTSI. A previsão é que a VW apresente o sistema com a reestilização do hatch. Vidal, inclusive, registrou flagras do modelo em testes com o jornalista Diogo Dias. (veja aqui).

Novo VW Polo hatches
Volkswagen/Divulgação

Polo será híbrido leve (MHEV)

O sistema híbrido da Volkswagen será o primeiro flex da marca no mundo, capaz, assim, de usar etanol ou gasolina em qualquer proporção. Ele traz um alternador mais potente e uma bateria de 48 volts. Eles não tracionam as rodas, mas aliviam o motor a combustão em movimento. Assim, garantem maior economia de combustível e menores emissões.

A tecnologia já está disponível na Europa, no hatch médio Golf. E traz o motor 1.0 TSI turbo a gasolina de 110 cv e 20 mkgf de torque, combinado ao sistema híbrido leve. Entretanto, no Brasil, o motor 1.0 será flex e terá maior potência com o uso de etanol. O consumo no Polo 2023 promete impressionar: média de cerca de 23 km/l entre cidade e estrada, com gasolina.




Quando chega às lojas?

A previsão é de que o novo Polo 2023 chegue às lojas brasileiras em meados deste ano. Como novidades, além da mecânica, o hatch compacto ganhará visual atualizado. Entretanto, diferente do modelo europeu, terá alterações concentradas na dianteira, com os faróis e grade redesenhados. O conjunto ótico, assim, terá novos contornos e iluminação com LEDs. Atrás, o conjunto deverá manter o formato atual, sem invadir a tampa do porta-malas.

Já a cabine vai preservar o estilo atual, mas terá novo cluster e o volante mais recente do Nivus, além de novos comandos para o ar-condicionado. A central multimídia VW Play com tela de 10", também não ficará de fora e passará a ter internet com Wi-Fi. Além da versão híbrida flex, o hatch terá opções 1.0 turbo TSI (até 128 cv) e 1.4 turbo de 150 cv (Polo GTS).

Kia Sportage
Kia/Divulgação

O que é um híbrido leve?

Ao contrário dos sistemas híbridos completos, como o do Corolla Cross, ou do tipo plug-in, que permite recarregar as baterias em tomadas, o híbrido leve atua com o comando total do motor a combustão para tracionar o veículo. Aliado a ele, há um gerador elétrico. Daí a especificação MHEV (Mild Hybrid Electric Vehicle). Este, portanto, atua como um alternador. Dessa forma, recupera parte da energia que seria desperdiçada em frenagens, por exemplo, e alimenta uma bateria de 48V. Assim, alivia o motor térmico com o carro em movimento e reduz o consumo de combustível e as emissões de poluentes.

Entretanto, embora não seja capaz de tracionar o veículo, a unidade elétrica ajuda na aceleração. Por exemplo, em velocidade constante (trechos como linha reta ou ladeira), o motor a combustão fica inoperante e o carro passa a funcionar por meio da unidade elétrica, apenas. Isso reduz de forma expressiva o uso de combustível e as emissões.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se