Thiago Lasco:

Subaru XV ganha pacote com recursos de assistência ao condutor

Disponível apenas na versão de topo S, pacote de recursos adiciona R$ 7 mil à tabela do XV

Subaru XV Crédito: Crédito: Subaru

Enquanto o mundo vive uma silenciosa contagem regressiva até a chegada dos carros autônomos, os recursos de assistência ao condutor são a tecnologia desejável mais acessível do momento. Uma das marcas que acaba de agregar alguns desses sistemas em seus veículos é a Subaru, com o novo XV.

INSCREVA-SE NO CANAL DO JORNAL DO CARRO NO YOU TUBE

A marca japonesa já oferece, na linha 2019 do crossover, o pacote Eye Sight. O novo opcional acrescenta R$ 7 mil à tabela da versão de topo, S, do Subaru XV. Com isso, o preço sobe para R$ 142.000.

O pacote Inclui frenagem de emergência pré-colisão, alerta de saída de faixa e controle de velocidade de cruzeiro adaptativo. E também alerta de arranque do veículo à frente e detecção de ponto cego. outro alerta, de trânsito cruzado na traseira, é útil em manobras de estacionamento.

Embora esteja estreando agora no Brasil, o sistema está longe de ser novidade na Subaru. Já estava disponível nos carros vendidos no Japão desde 2008. Depois, chegou ao mercado norte-americano em 2010 e ao europeu em 2013.

LEIA MAIS:

A demora em estender a tecnologia ao País teve razões econômicas. Como o sistema encarece os carros, foi preciso avaliar se o brasileiro estaria disposto a pagar por isso, de acordo com informações da Subaru.

Daí a decisão de, nesse primeiro momento, oferecê-lo apenas como opcional para a versão de topo do Subaru XV. Se o mercado reagir positivamente, o item pode passar a vir de série no crossover.

Nesse caso, a versão S sem o pacote deixará de ser oferecida. Além disso, a Subaru estuda estender os mesmos recursos aos modelos Outback e Forester.

Como funcionam os recursos no Subaru XV

O sistema Eye Sight utiliza câmeras e sensores para monitorar o entorno do veículo e as condições da estrada. Ele reconhece pedestres, animais e objetos. Com isso, pode alertar o motorista sobre situações em que há risco de acidentes.

São recursos já oferecidos por várias outras montadoras. Mas a Subaru diz ser a única marca a usar duas câmeras frontais para processar imagens em 3D.

Elas funcionam como um par de olhos humanos, com campos de visão complementares. Na prática, é como se o motorista tivesse um copiloto muito atento, capaz de se antecipar aos riscos, alertá-lo e permitir que tome decisões rápidas.

O sistema de frenagem de emergência pré-colisão atua quando o veículo se aproxima de um objeto à frente sem que o motorista pareça estar no controle. Diante da iminência de uma colisão, ele aplica os freios automaticamente, evitando o choque.

Durante a avaliação, a atuação do sistema pareceu ser mais brusca em baixas velocidades. Com o carro rodando a 60 km/h, o recurso vai modulando a velocidade, aplicando os freios de forma paulatina. Já aos 30 km/h, ele brecou o Subaru XV de uma só vez.

O alerta de saída de faixa atua quando o veículo parece estar saindo involuntariamente da faixa de rolamento, que pode acontecer por distração ou fadiga do motorista. No Subaru XV, o sistema apenas emite um alerta sonoro ao condutor e acende uma luz no painel.

Em modelos como o Chevrolet Cruze, por exemplo, o assistente provoca vibração no volante e chega a corrigir a trajetória, recolocando o veículo na faixa. Mais eficiente para alguns, invasivo para outros.

Controle de cruzeiro adaptativo é fácil de operar

O controle de velocidade de cruzeiro adaptativo pode ser configurado pelo motorista. É possível manter velocidade constante (ajustável) e uma distância (também ajustável) do carro à frente.

Com isso, a velocidade é modulada de forma automática para que o veículo acompanhe o fluxo. Nesse caso, dispensa a interferência direta do motorista.

No Subaru XV, o destaque é a interface descomplicada. Isso torna a operação mais intuitiva que a de um Volvo XC60, por exemplo.

Os recursos de detecção de ponto cego e alerta de trânsito cruzado na traseira monitoram o entorno lateral e traseira. O primeiro avisa sobre outros veículos se aproximando pelas faixas laterais, fora do campo de visão do motorista, evitando o risco de uma fechada ou colisão.

O segundo é útil quando o carro  está em marcha a ré. Pode evitar acidentes caso uma criança ou animal entre na trajetória do veículo, por exemplo.

Menos trivial, o alerta de arranque do veículo à frente é especialmente útil diante de motoristas cada vez mais distraídos com centrais multimídia e celulares. Se o carro que estava parado à frente começa a se mover e o condutor não esboçar reação em até 3 segundos, será alertado por um aviso sonoro.

Ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais

Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais