Você está lendo...
Trailblazer 2021 chega no mês que vem por R$ 269.850
Notícias

Trailblazer 2021 chega no mês que vem por R$ 269.850

Tapa no visual e equipamentos extras fazem parte das mudanças do SUV da Chevrolet. Trailblazer tem assistente de frenagem inteligente e internet a bordo

Redação

25 de ago, 2020 · 5 minutos de leitura.

Trailblazer
Chevrolet Trailblazer 2021
Crédito:Chevrolet/Divulgação

A Chevrolet acaba de confirmar a estreia da linha 2021 do SUV Trailblazer para o começo de setembro. Conforme antecipado pelo Jornal do Carro, o grandalhão acompanharia as mudanças realizadas na S10, trazendo as mesmas soluções de visual, mecânica e acabamento da irmã. Em versão única de acabamento, Premier, custará R$ 269.850.

Assim como a GM deixou "escapar" durante a apresentação da S10 (em julho), o modelo chega de cara nova. Na frente, há mistura elementos das versões LTZ e High Country da picape. A inovação se destaca pela inscrição com o nome Chevrolet em alto relevo no centro da grade - tipo colmeia. O logotipo vai no canto inferior esquerdo. Para-choque também é novo. Atrás, nada muda. Nas laterais, só as rodas (18") ganharam redesenho.


Espelhamento wireless e wi-fi

Mas é da porta para dentro que o utilitário esportivo inova. Um dos poucos modelos a oferecer sete lugares no mercado brasileiro, o Trailblazer (tem 2,85 metros de entre-eixos), ganhou equipamentos de série, como o MyLink de nova geração, com espelhamento Android Auto e Apple CarPlay sem fio.

Mas a cereja do bolo é o sistema wi-fi nativo, que permite conexão (4G) para até sete dispositivos. A tecnologia gera, inclusive, atualizações remotas de sistemas eletrônicos do veículo. Acabou a necessidade de atualização manual ou a dependência de serviços pós-vendas em concessionárias.

Por falar nisso, o Trailblazer 2021 avisa sobre a necessidade de troca de óleo automaticamente. Quando a situação é identificada, um alerta é enviado para o WhatsApp do proprietário. Por meio do aplicativo myChevrolet, é possível até acionar o ar-condicionado ou mesmo saber qual o nível do tanque de combustível, tudo à distância. A rival direta Toyota SW4 (com motor 2.8 turbodiesel e sete lugares) parte de R$ 289.990 e não oferece tais tecnologias.


Mais itens

A câmera de ré agora é em alta definição e tem função de engate com linha-guia específica, zoom e acionamento temporário. Este último serve, por exemplo, para checar se está tudo ok com a carga extra. O controle eletrônico de oscilação do trailer, que atua nos freios em casos de situações de risco, continua na lista.

No mais, tem banco do motorista com regulagem elétrica, sensor de chuva e crepuscular, sistema de controle em decidas, assistente de partida em rampas e sistema de monitoramento da pressão dos pneus. O compartimento de carga comporta de 205 litros a 1.830 l - com cinco bancos rebatidos.


Engenharia

Por baixo da carcaça tem mais trabalho da engenharia da GM. Para completar a boa lista pré-existente - que já contava com itens como seis air bags e os alertas de colisão frontal, saída de faixa e ponto cego - o modelo 2021 chega mais recheado. O modelo adotou o sistema de frenagem autônoma de emergência - freia sozinho entre 8 km/h e 80 km/h quando em situações de perigo.

No motor, nada de mudança. Permanece o 2.8 turbodiesel de 200 cv de potência e 51 mkgf de torque. O retrabalho aqui ficou por conta da inclusão de nova turbina e remapeamento do software de gerenciamento. A oferta de câmbio é sempre automático de seis marchas. Com isso, vai de 0 a 100 km/h em 10,3s. A tração é 4x4 com opção de reduzida.

Cores

A novidade tem sete opções de pintura externa. Branca Summit, Cinza Graphite, Prata Switchblade, Preta Ouro Negro, Vermelha Edible Berries e as inéditas Cinza Topázio e Azul Eclipse.


O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se