Redação

05/01/2020 - 4 minutos de leitura. Atualizado: 04/01/2020 | 16:57

Veja modelos que não tiveram um 2019 nada fácil

Esses modelos perderam vendas em 2019 e emplacaram bem menos unidades do que em anos anteriores

modelos
Fusion vendeu apenas 832 unidades em 2019 Crédito: Sergio Castro/Estadão
Carro

Vai comprar um 0km? Nós te ajudamos a escolher.

Se 2019 foi um ano próspero para alguns modelos, com novas gerações “bombando” nas lojas, para outros, o período foi menos animado. Foi o caso de carros como o Ford Fusion, que já foi um dos “queridinhos” do mercado premium, mas encerrou 2019 com apenas 832 unidades emplacadas.

INSCREVA-SE NO CANAL DO JORNAL DO CARRO NO YOUTUBE

Entre as explicações, o Fusion está posicionado bem no meio da faixa de preço de SUVs mais desejáveis. Isso fez seu público migrar para utilitários como o Jeep Compass, com preços na casa dos R$ 150 mil. Além disso, o modelo está em fim de linha nos Estados Unidos, já que a Ford optou por também priorizar os SUVs em sua gama. Por isso, o ótimo sedã médio-grande acabou deixado de lado até mesmo pela própria fabricante.

Segmento de entrada

Outro que já teve volumes bem maiores e amargou um 2019 difícil foi o Nissan March. O compacto feito em Resende (RJ) teve apenas 6.897 unidades emplacadas, número baixo para um carro com versões 1.0 e preços até competitivos. O March envelheceu e é praticamente o mesmo carro desde o lançamento no Brasil em 2011. A nova geração mostrada na Europa dificilmente chegará por aqui e o carrinho perdeu apelo. Para efeito de comparação, até mesmo o sedã Versa vendeu razoáveis 21.779 unidades em 2019, muito por ter se tornado um dos “queridinhos” dos motoristas de aplicativos.

As fábricas da região sul-fluminense têm tido dificuldades em emplacar seus modelos de maior volume. A Peugeot vendeu apenas 5.608 unidades do 208, fabricado na vizinha Porto Real (RJ). Pelo menos, a nova geração do modelo está para ser lançada. A redução da produção do modelo atual faz parte da transição. Mesmo que o 208 nunca tenha sido lá um campeão de vendas.

Quem também teve um 2019 difícil foi a Audi. A alemã trouxe vários modelos novos ao País, mas seus carros de entrada parecem não fazer mais a cabeça dos compradores. É verdade que o A3 hatch vem perdendo espaço há algum tempo, desde o lançamento do sedã, mas em 2019 foram só 326 unidades emplacadas. Já o Q3, nacional e menina dos olhos da marca em anos passados, também ficou para trás no segmento. Foram apenas 1.701 unidades. Ao menos, a nova geração do SUV também está a caminho e deve reverter o quadro.

Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


OFERTA EXCLUSIVA

Nissan New Kicks Exclusive CVT 1.6