Você está lendo...
Versão PHEV do Chery Tiggo 8 Plus deverá ser flex
Notícias

Versão PHEV do Chery Tiggo 8 Plus deverá ser flex

Chery Tiggo 8 Plus deve chegar ao Brasil com motor híbrido plug-in de alimentação flex; SUV deve ficar acima do atual Tiggo 8

Redação

29 de mar, 2021 · 4 minutos de leitura.

Chery
Chery Tiggo 8 Plus
Crédito:Chery/Divulgação

Depois de ter patentes registradas no Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (INPI), o que não crava, mas denuncia a intenção de fabricação de um veículo no Brasil, o Chery Tiggo 8 Plus tem mais uma novidade: o sistema de hibridização PHEV.

Recarregável em tomadas (inclusive, o modelo chinês já foi flagrado exibindo o bocal de recarga logo acima do para-lama dianteiro direito), o SUV combina motor elétrico com um propulsor turbo (a combustão) de 1,5 litro. Este, aliás, terá quase 170 cv de potência e 25,6 mkgf de torque. São 4,9 segundos da inércia aos 100 km/h. De acordo com informações, o Chery Tiggo 8 Plus PHEV virá com tecnologia flex, como exclusividade para o mercado nacional. Não houve, entretanto, confirmação pela marca.

Chery
Chery/Divulgação

Além dele, em síntese, ainda estão disponíveis a opção 2.0 de 254 cv e o 1.6 turbo TGDI, de 197 cv. Este último, uma versão atualizada do motor utilizado por aqui, com 187 cv.

Qual a diferença?

No mercado chinês, o Chery Tiggo 8 Plus fica, acima do Tiggo 8 (foto abaixo). Apesar das semelhanças entre ambos, inclusive em porte, há quem diga, no entanto, que a Caoa Chery poderá seguir a mesma cartilha e vender ambos os SUVs no mercado brasileiro.

caoa chery
ALEX SILVA/ESTADÃO

Como principais destaques, o novato tem 2,2 centímetros a mais que o Tiggo 8 convencional (total de 4,72 metros de comprimento) e visual diferenciado. A dianteira, a princípio, é renovada, com grade hexagonal, faróis mais estreitos e com iluminação full-LEDs, além de novo para-choque, e detalhes cromados que dão ar mais sofisticado ao conjunto. Atrás, tudo é diferente entre ambos, como lanternas, tampa do porta-malas e para-choque.

SUV da Chery aposta em modernidade

Por dentro, o Tiggo 8 Plus - que tem o mesmo entre-eixos de 2,71 metros - teve materiais de acabamento revistos. O design também é novo. Destaque para o painel de instrumentos digital integrado à central multimídia e sistema de climatização, também digital. No total, tem 24,6 polegadas de tela.

Como equipamentos, a Chery oferece, na China, itens como controle de cruzeiro adaptativo, freio autônomo de emergência e câmeras 360° de alta resolução. Por fim, além do sistema de som assinado pela Sony, o modelo chinês tem nove air bags, de série. O SUV deve desembarcar no Brasil até o fim do ano e ultrapassar a barreira dos R$ 200 mil.


O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se

Caoa Chery Tiggo 5X PRO 22/23
Oferta exclusiva

Caoa Chery Tiggo 5X PRO 22/23

Deixe sua opinião