Volkswagen decreta fim dos motores a combustão

Volkswagen lançará última geração de motores a combustão a partir de 2026 e focará todo o seu desenvolvimento em elétricos

volkswagen
Volkswagen ID Crozz Crédito: Volkswagen/Divulgação

O ano de 2026 será o último de motores a combustão nas linhas de produção da Volkswagen em larga escala. A partir daí, a marca alemã focará todos os seus esforços em tecnologias de eletrificação, para ir aos poucos abandonando o uso de gasolina, diesel e etanol. A informação vem da agência de notícias Bloomberg.

A intenção da empresa é reduzir os impactos ambientais provocados pelas emissões de poluentes na atmosfera. E se livrar de vez do fantasma do “Dieselgate”. Que gerou multas gigantescas para a montadora e uma séria crise de imagem.

+ Modelo chegará ao Brasil no ano que vem 

+ Leia a avaliação do modelo feita numa trilha nos EUA 

O chefe de estratégia da Volkswagen, Michael Jost, disse, no entanto, que antes disso acontecer em larga escala, alguns modelos icônicos, como o Golf, poderão ser totalmente eletrificados para já acostumar os clientes. E que locais com dificuldade de estrutura de recarga ainda terão motores a combustão até 2050.

Elétricos da Volkswagen já estão confirmados

Alguns modelos totalmente elétricos também já estão na agulha para serem lançados. No ano que vem entra em produção o ID Neo, um compacto moderninho. No ano seguinte, em 2020, surge o SUV ID Crozz, seguido da nova geração da Kombi, a ID Buzz, confirmada para 2022.

 

VÍDEO DA SEMANA: TUDO SOBRE O PRIMEIRO CARRO ‘HÍBRIDO’ BRASILEIRO


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas