Harley-Davidson interrompe produção da elétrica LiveWire

Primeira moto elétrica da marca apresentou problemas em checagens de qualidade após primeiras entregas. Retomada da produção da LiveWire ainda não tem data

livewire
Harley-Davidson Livewire Crédito: Harley-Davidson/Divulgação

A Harley-Davidson interrompeu a produção e as entregas de sua primeira motocicleta elétrica, a LiveWire. A parada ocorre após a marca identificar problemas eletrônicos já nas primeiras unidades entregues às concessionárias no fim de setembro.

INSCREVA-SE NO CANAL DO JORNAL DO CARRO NO YOUTUBE

A marca descobriu “condições fora do padrão” durante medições de qualidade do produto. Novos testes vem sendo feitos para que a motocicleta esteja de acordo com as definições da empresa. No entanto, não foram revelados que problemas a moto apresentou, nem mesmo sua natureza.

“Estamos em contato com os concessionários e compradores para assegurar que eles possam continuar usando a LiveWire. Mantemos a qualidade elevada como nossa prioridade máxima”, explicou a marca num comunicado.

LiveWire é primeira de várias elétricas

O quanto a paralisação vai afetar os planos de eletrificação da marca dependerão do tempo de parada. A LiveWire começou a ser produzida neste ano após anos de conceitos apresentados e planos da Harley. As motos começaram a chegar às mãos dos primeiros compradores no fim de setembro.

Uma linha de motos elétricas deve seguir o lançamento da LiveWire. Elas não irão substituir por completo as icônicas motos da Harley-Davidson, mas devem atrair um público mais novo para a marca.

Ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas