Cera automotiva funciona como ‘maquiagem veicular’

Enceramento devolve o brilho à carroceria e a protege das intempéries; cera pode custar a partir de R$ 9 em lojas especializadas

cera
Polimento e enceramento protege a pintura do carro por mais tempo Foto: André Lessa/Estadão

Encerar a carroceria é simples, fácil de fazer e traz vários benefícios ao veículo. Além de devolver o brilho à pintura, deixando-a mais bonita, a prática, que a protege de intempéries como chuva, sol e poluição, pode ser executada pelo dono do carro, em casa. Por isso, a cera virou tema da terceira reportagem da série sobre dicas de manutenção.

+ Conheça a página do Jornal do Carro no Facebook

Há diferentes tipos de cera à venda no mercado, com preços a partir de R$ 9. O químico Fernando Pagotto, da área de pesquisa e desenvolvimento do Grupo Interbrilho, diz que a escolha deve levar em consideração a idade da pintura.

“Para veículos antigos, com pintura queimada ou oxidada, o ideal é a cera revitalizadora, com propriedades mais abrasivas. Se a carroceria estiver em bom estado, use uma cera limpadora. Para as mais novas, o recomendado é a cera líquida sem abrasivos. Prefira as que contêm carnaúba e silicone.”

Qualquer carro pode ser encerado, desde que sua carroceria seja lisa (e não porosa). Se estiver muito queimada, é recomendável fazer o polimento em oficina especializada antes da aplicação da cera.

Como aplicar a cera

A cera deve ser aplicada em pequenas quantidades, sobre a pintura limpa e seca. “Faça movimentos circulares, usando uma estopa de algodão ou uma flanela de microfibra”, ensina Pagotto. “Encere uma área pequena por vez.”

Após espalhar o produto, deixe-o secar por alguns minutos e, em seguida, remova o excesso com uma estopa limpa e seca. Para dar o brilho final, use uma flanela de microfibra.

O enceramento deve ser feito à sombra, com a lataria fria. “Se o carro estiver sob o sol, a pintura estará quente. Com isso, será difícil espalhar a cera, que vai secar muito rapidamente”, alerta o profissional.
Caso o veículo seja exposto à chuva logo após o enceramento, não há problema, já que a pintura estará protegida e selada. A película de silicone deixada pela cera repelirá a água.

O enceramento dura cerca de 60 dias, mas o prazo pode variar conforme o número de lavagens e os produtos usados na limpeza. Detergentes com cera prolongam a proteção. “Para saber se é hora de encerar, passe o dorso da mão na pintura e veja se ela está áspera ou sem brilho”, diz Pagotto.

Em alguns casos, o enceramento pode até remover imperfeições da pintura, como manchas de encardidos e até arranhões pouco profundos, graças ao silicato de alumínio presente em sua composição.

“Essa substância não é tão abrasiva como as massas de polir, mas basta para dar uma ‘raspadinha’ no verniz da pintura e remover algumas marcas”, afirma o químico.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas