Ford Ranger tem recall por problema na tubulação de combustível

Fábrica na Ford na Argentina produziu modelo com defeito no motor que pode levar a desgaste na tubulação e eventual vazamento de combustível

Ford
RANGER Crédito: FORD

A Ford convocou unidades da Ranger com motor Puma 2.2 produzidas na fábrica da Argentina. De acordo com a empresa, 5.414 unidades do Brasil precisam passar por verificação a partir desta sexta-feira (31).

As picapes podem precisar de uma correção na posição da abraçadeira da mangueira do líquido de arrefecimento do motor, além da substituição gratuita da tubulação de combustível, caso esteja danificada.

O modelo 2020 envolvido foi fabricado entre 10/06/2019 e 30/10/2019, com o número dos chassis entre LI156174 até LI176064. Há a possibilidade de que estas unidades, por conta do defeito, apresentem um desgaste na tubulação e eventual vazamento de combustível. Com isso, pode haver um incêndio no veículo.

Ford disponibiliza atendimento

Consumidores devem entrar em contato com a central de atendimento ao cliente da Ford no número 0800-888-3673.

Ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais

Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais