Tião Oliveira:

Caoa Chery Tiggo 8 terá 7 lugares, 186 cv e preço de Compass

O Caoa Chery Tiggo 8 chega no fim do ano com sete lugares, motor com 186 cv, câmbio de sete marchas e preço sugerido em torno dos R$ 150 mil

Tiggo 8
Novo Caoa Chery Tiggo 8 Crédito: Chery

O Caoa Chery Tiggo 8 chega no fim do ano com sete lugares, motor com 186 cv, câmbio de sete marchas e preço para lá de competitivo. A marca não confirma, mas o novo SUV deverá ter tabela inicial em torno dos R$ 150 mil. Trata-se do primeiro SUV com sete lugares feito no Brasil – a produção em Anápolis (GO) deve começar nas próximas semanas. As vendas terão início no último trimestre.



Esse preço é próximo ao da versão Limited do Compass, cuja tabela “cheia” é de R$ 153.990. O modelo da Jeep é líder de vendas do segmento e, nessa configuração, tem motor 2.0 flexível de 170 cv. O câmbio é automático convencional de seis marchas. O SUV feito em Goiana (PE) leva cinco ocupantes.

O novo Caoa Chery Tiggo 8 terá motor 1.6 TGDI (com turbo e injeção direta de combustível). Disponível inicialmente apenas em versão a gasolina, o quatro-cilindros gera 186 cv de potência a 5.500 rpm. O torque máximo, de 28 mkg, surge entre 2.000 e 4.000 rpm. O câmbio será DCT, automatizado de duas embreagens e sete velocidades.

Tiggo 8
Chery

Tiggo 8 tem 4,7 m de comprimento e 2,71 m de entre-eixos

O Tiggo 8 tem 4,7 metros de comprimento, 1,86 m de largura, 1,75 m de altura e 2,71 m de distância entre os eixos. O espaço para bagagem é de 1.930 litros com a segunda fileira de bancos reclinada e de 889 l se houver cinco pessoas a bordo. Com sete pessoas, a área para bagagem é reduzida para 193 litros – um pouco menos que o porta-malas de um Fiat Mobi, por exemplo.

E, assim como os demais carros da Caoa Chery, o Tiggo 8 virá recheado de equipamentos de série. Dois itens voltados ao conforto, haverá sistema de som com oito alto-falantes e ar-condicionado com duas zonas de resfriamento, além de saídas para a segunda fila de bancos.

Inscreva-se no canal do Jornal do Carro no YouTube

Veja vídeos de testes de carros e motos, lançamentos, panoramas, análises, entrevistas e o que acontece no mundo automotivo em outros países!

Inscrever-se

Outro destaque da cabine é o painel virtual com tela de 12,3 polegadas. A da central multimídia, por sua vez, terá 10,25″. O sistema será compatível com as plataformas Android Auto e Apple Car Play. Abaixo, outro mostrador digital serve para controlar as funções do sistema de ar-condicionado. A disposição é semelhante à adotada por Audi e Land Rover em seus modelos mais recentes, com poucos botões físicos.

Tiggo 8

Caoa Chery será muito bem equipado

O SUV terá bancos revestidos de couro. O do motorista virá com ajuste elétrico em seis posições. Para o carona dianteiro, haverá regulagem manual em quatro posições. Carregador de celular sem fio, teto solar panorâmico, iluminação dos pedais acionada quando o condutor entra no carro, chave presencial (libera as travas das portas automaticamente) e partida do motor por botão também fazem parte do pacote.

Em relação à segurança, o Tiggo 8 trará sensores de obstáculos e câmeras na dianteira e na traseira. O freio de estacionamento terá acionamento eletrônico, os faróis serão full-LEDs e o conjunto terá luzes de LEDs de uso diurno.

Distribuição eletrônica das forças de frenagem, controles eletrônicos de tração e estabilidade e frenagem automática de emergência também virão de fábrica. Além disso, haverá auxílio de arranque em rampa, que evita que o carro volte para trás nas saídas em ladeiras, por exemplo.

Tiggo 8

Garantia de 5 anos

Outros mimos serão as rodas de liga leve de 18 polegadas e o monitoramento interno da pressão dos pneus. O novo Caoa Chery trará ainda abertura do porta-malas acionada por meio de sensores de presença. As fileiras de bancos terão várias opções de rebatimento. A segunda, por exemplo, poderá ser rebatida na proporção 40/60 e a terceira, na proporção 50/50.

Em linha com os demais modelos da Caoa Chery, o Tiggo 8 terá garantia de até 5 anos no Brasil. Para ter direito à cobertura é preciso fazer as revisões periódicas a cada 10 mil km rodados ou 2 meses – o que ocorrer primeiro.

Para referência, a primeira revisão de um Tiggo 7 custa R$ 478,23 e pode ser paga em até três parcelas. O serviço inclui troca dos filtros de combustível e óleo do motor, do lubrificante e da arruela do bujão de cárter do motor, além de inspeção de 44 itens do carro.

 

Ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais

Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


OFERTA EXCLUSIVA

Caoa Chery Tiggo 2 Look Manual