Carros novos: o que vem por aí em 2019

Ano de 2019 terá lançamentos variados, com novidades especialmente entre SUVs, hatches compactos e elétricos

t-cross
Volkswagen T-Cross Crédito: Volkswagen/Divulgação

O ano que se aproxima promete ser empolgante para os fãs de automóveis. Os lançamentos de 2019 estarão em praticamente todos os segmentos. Os carros elétricos farão sua estreia no País, com três modelos. Haverá ainda boas novas entre os SUVs e, na segunda metade do ano, no segmento que puxa o mercado, os hatches compactos.

Curta a página do Jornal do Carro no Facebook

Inscreva-se no canal do Jornal do Carro no YouTube

Uma das primeiras novidades será o Toyota Yaris X-Way, em fevereiro. Trata-se de uma nova versão do hatch com visual aventureiro. Como diferenciais, tem rodas pintadas de preto, rack de teto e detalhes de plástico aplicados nos para-choques dianteiro e traseiro e para-lamas.

No mesmo mês, a marca lançará a Hilux GR-S, edição especial limitada a 420 unidades. Baseada na versão de topo SRX, tem apelo esportivo e suspensão mais dura, graças à adoção de molas mais firmes na frente e a troca dos amortecedores de tubo duplo por tubo simples.

Em março, a Volkswagen lançará um modelo com grande potencial de carro do ano, o T-Cross. Fabricado em São José dos Pinhais (PR), o SUV terá visual descolado e os motores turbo do Polo (1.0) e Golf (1.4), além de uma extensa lista de itens de série. Espere preços a partir de R$ 90 mil.

Quem também chega na primeira metade de 2019 é a nova geração do Jeep Wrangler. Ele virá nas versões Sport (duas portas), Sahara (quatro portas) e Rubicon (quatro portas), com inédito motor 2.0 turbo a gasolina que rende 273 cv e 40,8 mkgf. A transmissão é automática de oito marchas.

Elétricos à vista

Em junho, começam as entregas do elétrico Nissan Leaf, que já está em pré-venda, por R$ 178.400. O modelo, que está na segunda geração, tem potência de 150 cv e autonomia de 400 km.

Ele terá, ainda no primeiro semestre, a companhia de outros dois elétricos. Um deles será o Chevrolet Bolt, que entrega 200 cv de potência e 380 km de autonomia, por R$ 175 mil.

O outro é o Renault Zoe, que virá importado da França por R$ 149.990. É o elétrico mais vendido da Europa, roda até 300 km com uma carga e precisa de uma hora e 40 minutos para completar 80% da recarga de suas baterias.

Segundo semestre de 2019 terá renovação no segmento de entrada

A segunda metade do ano será animada no segmento de maior volume do mercado. A família Onix e Prisma deve enfim chegar à sua segunda geração. O rival Hyundai HB20 também será renovado. Os compactos Logan e Sandero devem ganhar pelas mãos da Renault uma atualização – mas será mais comedida que a aplicada pela Dacia na Europa.

VÍDEO DA SEMANA: TUDO SOBRE O PRIMEIRO CARRO HÍBRIDO BRASILEIRO

 

Em agosto, chega o novo Corolla. Em nova geração, o sedã brasileiro estará pela primeira vez alinhado com o norte-americano. Feito sobre a plataforma TNGA do Prius, ele terá visual mais esportivo e tecnologia hibrida e flexível. Deve revolucionar o segmento.

Golf com novidades

Os fãs do hatch médio Golf terão duas novidades de uma vez no segundo semestre. A Volkswagen trará as versões GTE (híbrida plug-in) e e-Golf (100% elétrica).

No GTE, o trabalho conjunto do motor 1.4 turbo de injeção direta com o elétrico produz uma potência combinada de 204 cv. A aceleração de 0 a 100 km/h, feita em 7,6 segundos, é muita próxima da do esportivo GTI (7,2 s). E a máxima declarada pela fabricante é de 222 km/h.

Já o e-Golf tem motor elétrico de 100 kW (o equivalente a 135 cv) e torque de 29,6 mkgf. É capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 9,6 segundos e alcançar 150 km/h.

Ainda sem data definida

Ao longo do ano, mas sem data definida, a Hyundai lançará as novas gerações do sedã Azera e do SUV Santa Fe e a reestilização do Elantra. Da Audi, virão a nova geração do Q3 e o inédito Q8.

Tarok: a picape inédita da VW que vem por aí

 

 


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas