Você está lendo...
Confirmado: Honda vai lançar novo WR-V no Brasil e SUV será híbrido
Notícias

Confirmado: Honda vai lançar novo WR-V no Brasil e SUV será híbrido

Conhecido no Japão como Elevate, Honda WR-V deve voltar ao mercado brasileiro até 2026 com produção nacional e sistema híbrido

Jady Peroni, especial para o Jornal do Carro

24 de nov, 2023 · 4 minutos de leitura.

Publicidade

Honda Elevate
Honda WR-V retornará ao Brasil com produção nacional
Crédito:Honda/Divulgação

O Honda WR-V voltará de vez ao Brasil. De acordo com a apuração do site Autos Segredos, o SUV retornará com produção na fábrica de Itirapina (SP) até o ano de 2026. Dessa forma, será o novo modelo de entrada da marca no País. Seja como for, o WR-V terá basicamente o mesmo visual do modelo que estreou no Japão. Por lá, ele é conhecido como Elevate e conta com o motor 1.5 litros já utilizado no City, por exemplo.

Cabe lembrar que em agosto, o WR-V teve o desenho registrado no INPI. No mercado brasileiro, existe um espaço no portfólio da Honda entre o City sedã e o HR-V básico, que será preenchido pelo SUV de entrada. Por aqui, ele vai brigar entre os SUVs compactos como Fiat Pulse e os futuros Renault Kardian e Toyota Yaris Cross.

Honda elevate
Honda/Divulgação

Publicidade


Plataforma do City

No design, o novo SUV da Honda mostra uma dianteira com linhas retas, com uma grade ampla, retangular e com desenhos 3D. Um dos destaques é a linha cromada que conecta os faróis, da mesma forma que acontece com o City no mercado brasileiro. Na traseira, destaque para as lanternas em formato de "L" na horizontal. Além disso, o SUV conta com linha de cintura alta e teto reto.

Em tamanho, o WR-V mede 4,32 metros de comprimento, 1,65 metro de largura, 1,79 metro de altura e 2,65 metros de entre-eixos. As medidas posicionam o modelo como 60 mm mais alto e com entre-eixos 40 mm maior que o HR-V japonês, entretanto, é 5 mm mais curto, por exemplo.

Honda
Honda/Divulgação

Cabine mais simpels

Apesar da revelação do modelo no Japão, a marca não revelou seus principais itens de série. Contudo, pelas fotos é possível ver uma central multimídia flutuante, câmbio automático, ar digital, e mais. Se seguir a linha do modelo asiático, itens como conectividade com Android Auto e Apple CarPlay, câmera de ré, carregamento de celular sem fio e outros podem aparecer. Além disso, o sistema ADAS da marca, o Honda Sensing, estará presente.

Divulgação/Honda

Honda WR-V pode ser híbrido

No Japão, o Honda WR-V terá o mesmo 1.5 aspirado do City asiático. Este entrega uma potência de 122 cv e 15,8 mkgf de torque máximo quando abastecido com etanol. O câmbio, por sua vez, é CVT. No entanto, rumores apontam que o SUV terá sistema híbrido quando chegar ao mercado brasileiro. Dessa forma, vai unir o motor 1.5 a um propulsor elétricos. Juntos, entregam 131 cv e 25,8 mkgf. Seja como for, será necessário esperar para entender os próximos passos da Honda.


Jornal do Carro também está no Instagram!

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Ranger Raptor no Brasil! Veja como é a versão extrema da picape da Ford
Deixe sua opinião