Elevate
Instituto Nacional de Propriedade Intelectual/Reprodução

Honda Elevate, SUV do City e sucessor do WR-V, é registrado no Brasil

SUV compacto menor que HR-V estreou na Índia em junho, e tem registros até das peças feitos no INPI; novo Honda pode estar a caminho do Brasil

Por Rodrigo Tavares 23 de ago, 2023 · 6m de leitura.

Depois de revelar na Índia o Elevate, seu novo SUV de entrada, a Honda acaba de registrar o modelo no Brasil. Trata-se do substituto do WR-V feito sobre a plataforma da linha City e da atual terceira geração do HR-V, por exemplo. Ou seja, o Honda Elevate vai brigar entre os SUVs compactos de entrada, como Fiat Pulse e os futuros Renault Kardian e Toyota Yaris Cross.

As patentes mostram o novo SUV, mas sem entregar detalhes, algo comum em imagens de registro. Embora não comente sobre futuros lançamentos, a marca japonesa registrou diferentes partes do modelo, como faróis, grade e lanternas. Assim, sugere a intenção de lançar o Elevate no mercado brasileiro, algo que parece factível. Afinal, como o HR-V tem tabela próxima de SUVs médios, ter um substituto para o WR-V faz todo sentido.

Patentes sugerem Honda Elevate no Brasil

Patente revela o registro de itens como painel, faróis e grade (INPI/Reprodução)

Na Índia, o Honda Elevate concorre com Hyundai Creta, VW Taigun (nosso T-Cross) e Kia Seltos, por exemplo. O SUV utiliza a mesma plataforma do City e do HR-V. Assim, tem 4,31 metros de comprimento, 1,79 m de largura, 1,65 m de altura e 2,65 m de distância entre-eixos – é bem maior que o Fiat Pulse. Além disso, leva 458 litros de volume no porta-malas e tem 220 mm de altura livre do solo, o que lhe garante maior robustez em piso irregular.

Honda
Modelo é construído na plataforma do City, principal oferta do mercado indiano (Honda/Divulgação)

Para comparação, o Hyundai Creta tem 4,3 metros de comprimento, 2,59 de entre-eixos e 190 mm de vão livre do solo. O Honda também disputará mercado com o futuro Jeep Avenger, por exemplo. E deve levar alguma vantagem no tamanho, já que o novo SUV de entrada da marca da Stellantis é um pouco menor e feito sobre a plataforma CMP da Peugeot-Citroën. Por isso mesmo, será mais barato que o Renegade quando estrear em 2024.


Em relação aos equipamentos, o Honda Elevate terá multimídia sensível ao toque com tela de 10,25 polegadas, quadro de instrumentos com tela de 7″, carregamento de celular por indução, espelhamento sem fio com celulares via Apple CarPlay e Android Auto, e câmera de ré traseira. Na Índia, o modelo tem opção de teto solar, mas vale lembrar que a Honda retirou o item do HR-V no Brasil por causa do alto custo e do impacto na segurança estrutural.

SUV terá Honda Sensing e motor do City

Honda
(Honda/Divulgação)

Além disso, o pacote Honda Sensing adiciona sistema de frenagem de mitigação de colisão, aviso de saída de faixa, controle de cruzeiro adaptativo, assistência de manutenção de faixa, aviso de saída da estrada, farol alto com assistência automática. O modelo se destaca por ser o único da categoria a oferecer todos os itens de assistência de condução descritos, por exemplo.


Sob o capô, o modelo usa o já conhecido motor 1.5 a gasolina com 122 cv de força, e 14,8 mkgf de torque. A transmissão pode ser manual ou automática CVT. No futuro, versões híbridas e:HEV aparecerão na gama de modelos indianos. Por fim, os veículos feitos para esse mercado são construídos na fábrica de Tapukara, no Rajastão, com ritmo de produção de 8.000 unidades por mês.

O Jornal do Carro também está no Instagram, confira!

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Nissan Versa 2024 atualiza visual e ganha conteúdos; veja o que mudou


Newsletter Jornal do Carro

Complete seu cadastro para receber as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.

Campo obrigatório
Tudo certo!

Seu cadastro foi enviado. Em breve você receberá as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.