Você está lendo...
Jeep sobe preços, Compass vai a R$ 240 mil e Commander supera R$ 300 mil
Mercado

Jeep sobe preços, Compass vai a R$ 240 mil e Commander supera R$ 300 mil

Com reajustes de R$ 3 mil até R$ 11 mil, SUVs da Jeep encarecem mesmo com IPI reduzido; Renegade agora começa em R$ 127 mil na versão Sport

Jady Peroni, especial para o Jornal do Carro

13 de mai, 2022 · 5 minutos de leitura.

Jeep Compass Sport flex 2022
Após novo reajuste, Jeep Compass chega a R$ 239.990 nas versões 4x4 com motor 2.0 turbo diesel
Crédito:Jeep/Divulgação

A Jeep reajustou os preços dos seus três principais modelos no Brasil. Com os aumentos, que variam de R$ 3 mil e R$ 11 mil, a marca aniquilou qualquer desconto que a redução do IPI trouxe em março. Dessa forma, o Renegade, SUV de entrada, já parte de R$ 127 mil. Enquanto isso, o Compass vai a R$ 240 mil e o Commander ultrapassa os R$ 300 mil.

No caso do Renegade, os reajustes foram menores, mas significativos. A versão de entrada Sport teve um aumento de R$ 3.682, a passou R$ 123.908 para R$ 127.590. Em seguida, a versão intermediária Longitude aumentou R$ 4.180 e agora custa R$ 142.590. Já a Trailhawk, topo de linha com tração 4x4, beira os R$ 170 mil após reajuste de R$ 4.954.

Com esses preços, a situação fica ainda mais complicada para o Renegade, que ganhou a linha 2023 em fevereiro, mas vem sofrendo nos emplacamentos. Um de seus concorrentes que apresenta preços mais baixos, por exemplo, é o Fiat Pulse - que integra o grupo Stellantis. O SUV da marca italiana, que também passou por reajuste de preços, alcança os R$ 126.590 na versão topo de linha. Porém, parte de R$ 94 mil na versão de entrada.


Jeep Renegade 2022
Jeep/Divulgação

Compass e Commander

Na linha Compass, o cenário é ainda mais impactante. A versão de entrada Sport 1.3 turbo flex teve aumento de R$ 8.018. Assim, passa de R$ 161.472 para R$ 169.490. Para o SUV médio - que ganhou a versão híbrida 4xe - esse foi o maior aumento. Já o Compass S agora sai por R$ 216.990. No mais, as versões com motor 2.0 diesel e tração 4x4 também estão bem salgadas. A Longitude, por exemplo, o recebeu aumento de R$ 6.353, o que implicou no valor total de R$ 220.490. Já a Limited e a Trailhawk subiram o mesmo valor, e saem por R$ 239.990 cada.

No entanto, quem disparou com os aumentos foi o grandalhão Commander. O SUV de 7 lugares subiu mais de R$ 20 mil desde sua estreia em agosto de 2021. Agora, a versão de entrada Limited está R$ 8.672 mais cara e sai por R$ 223.6690. Daí para frente os números só crescem. Contudo, foi a Overland 2.0 a diesel que recebeu o maior aumento, com a adição de R$ 11.870 na tabela. Assim, subiu de R$ 295.020 para R$ 306.890.


jeep commander
Divulgação/Jeep

Confira abaixo as versões e preços dos modelos Jeep

Renegade

Sport 1.3 4×2 - De R$ 123.590 para R$ 127.590
Longitude 1.3 4×2 - De R$138.410 para R$ 142.590
Série S 1.3 4×4 - De R$ 164.136 para R$ 169.090
Trailhawk 1.3 4×4 - De R$164.136 para R$ 169.090

Jeep Compass

Sport 1.3 turbo flex - De R$ 161.472 para R$ 169.490
Longitude 1.3 turbo flex - De R$171.326 para R$ 175.990
Limited 1.3 turbo flex - De R$ 188.767 para R$ 194.490
S 1.3 turbo flex - De R$ 210.537 para R$ 216.990
Longitude 2.0 diesel - De R$ 214.137 para R$ 220.490
Limited 2.0 diesel - De R$233.200 para R$ 239.990
Trailhawk 2.0 diesel - De R$233.200 para R$ 239.990
Série S 4xe - R$ 349.990


Commander

Limited 1.3 turbo flex - De R$ 215.018 para R$ 223.690
Overland 1.3 turbo flex - De R$242.384 para R$ 251.990
Limited 2.0 diesel - De R$267.209 para R$ 277.990
Overland 2.0 diesel - De R$295.020 para R$ 306.890

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se