Você está lendo...
Novo Mercedes-Benz Classe C está nas lojas e preço parte de R$ 350 mil
Lançamentos

Novo Mercedes-Benz Classe C está nas lojas e preço parte de R$ 350 mil

Sexta geração do sedã médio de luxo da Mercedes-Benz começa a chegar às concessionárias brasileiras repleta de eletrônica embarcada

Diogo de Oliveira

19 de jan, 2022 · 5 minutos de leitura.

Mercedes-Benz Classe C
Novo Mercedes-Benz Classe C volta às lojas brasileiras em nova geração e importada da Alemanha
Crédito:Mercedes-Benz/Divulgação

Tal como prometido pela Mercedes-Benz, o novo Classe C começa a chegar às concessionárias da marca em todo o Brasil a partir desta semana. Em pré-venda no País desde novembro de 2021, a 6ª geração do sedã médio de luxo desembarca agora importada da Alemanha e repleta de eletrônica embarcada. Por causa dos conteúdos, chega com tabela mais "salgada", a partir de R$ 349.900 na versão de entrada C 200 AMG Line.

Mais acima, a marca oferece o C 300 AMG Line, com preço de R$ 399.900 - este já testado pelo Jornal do Carro. Como indica o nome, ambos trazem o pacote estético da divisão esportiva da Mercedes-Benz, a AMG. Há detalhes externos e internos, bem como rodas de aro 18 e 19 diamantadas e bancos dianteiros esportivos. O interior tem opção de revestimento bicolor. Mas o destaque é a grande multimídia ao centro do novo painel.

Mercedes-Benz Classe C
Mercedes-Benz/Divulgação

A tela central de 11,9 polegadas fica em disposição vertical, é sensível ao toque e traz a versão mais recente do sistema MBUX com a assistente virtual da Mercedes-Benz e comando de voz mais inteligente e melhor no português brasileiro. A multimídia também traz conexão sem fio (via Bluetooth) com as plataformas Android Auto e Apple CarPlay. Dessa forma, o equipamento se conecta facilmente aos smartphones. Só fica devendo internet a bordo. Há ainda um novo carregador por indução.

Mercedes-Benz Classe C
Mercedes-Benz/Divulgação

Motores e desempenho

Se ficou mais caro, o sedã médio da Mercedes-Benz ao menos retorna ao Brasil eletrificado. O sistema híbrido da alemã está disponível com os motores 1.5 turbo e 2.0 turbo, ambos de 4 cilindros a gasolina. Eles contam com o sistema EQ Boost, que adiciona um gerador de partida elétrico de 48V. A versão C 200 entrega 204 cv de potência máxima e um torque de 20,4 mkgf. Já o C 300 AMG oferece um total de 258 cv e 30,6 mkgf. O câmbio é sempre automático de 9 marchas, com tração traseira. E o sistema EQ Boost fornece até 27 cv e 20,4 mkgf extras ao sedã alemão.


Classe C
Mercedes-Benz/Divulgação

Bem mais caro que os rivais

Com preço inicial de R$ 350 mil, o novo Mercedes-Benz Classe C chega bem mais caro que os rivais diretos. A nova geração do Audi A3, por exemplo, desembarcou no fim de 2021 - também importada da Alemanha - a partir de R$ 229.990 na versão S Line Limited, mas só com motores a combustão. Da mesma forma, o BMW Série 3, atual campeão da categoria, parte de R$ 298.950 na versão 320i GP 2.0 turbo a gasolina de 184 cv.



Entretanto, além de contar com sistema híbrido leve (Mild Hybrid), o sedã da Mercedes-Benz aposta alto na eletrônica, com sistemas semiautônomos que, por ora, estão ausentes, por exemplo, no novo Audi A3. Assim, a marca da estrela confia que os clientes do segmento não se importarão em pagar um pouco mais para ter o novo Classe C com recursos de última geração. O modelo responderá por 25% das vendas da marca em 2022.


O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se