Você está lendo...
Novo Toyota Prius faz até 200 km/l em teste de consumo na Europa
SUMMIT MOBILIDADE: Clique e garanta o seu ingresso promocional Saiba Mais
Mercado

Novo Toyota Prius faz até 200 km/l em teste de consumo na Europa

Quinta geração do Toyota Prius, que é híbrido plug-in, crava consumo combinado de 200 km/l em teste no padrão internacional WLTP

Vagner Aquino, especial para o Jornal do Carro

10 de abr, 2023 · 4 minutos de leitura.

Publicidade

Prius
Prius já foi registrado no Brasil, mas ainda não tem previsão de chegada
Crédito:Toyota/Divulgação

Nem mesmo a nova onda de SUVs elétricos fez a Toyota descartar o híbrido Prius do portfólio. O modelo voltou com tudo em sua quinta geração. Maior, mais moderno e, tão importante quanto, mais econômico. Prova disso, aliás, vem da certificação oficial da União Europeia, que coloca o híbrido da marca japonesa como um dos automóveis mais eficientes do mercado atual. E não é para menos: o novo Prius faz 200 km/l na versão plug-in.



Prius
Novo Toyota Prius Plug-In Hybrid (Toyota/Divulgação)

Antes, cabe explicar a mecânica do carro. O Prius híbrido plug-in une motor 2.0 a gasolina (152 cv) e um propulsor elétrico traseiro (163 cv). Juntos, geram 223 cv. Dessa forma, o Prius acelera de zero a 100 km/h em 6,7 segundos. Tem tração integral.

Publicidade


De acordo com os números oficiais, o Prius recarregável em tomadas tem consumo médio combinado de 0,5 litros/100 km. Desse modo, faz aproximadamente 200 km/l na conversão. As emissões de CO2 são de 11 g/km e o consumo no modo elétrico flutua entre 11,4 e 12,6 kWh/100 km.

Para se ter ideia dos bons números alcançados pelo novo Toyota Prius, a lista dos carros mas eficientes à venda na Europa com sistema híbrido plug-in é liderada pelo Mercedes-Benz GLC 300 4Matic Plug-in Hybrid. O SUV tem consumo combinado de 0,4 l/100 km. Ou seja, faz em torno de 250 km/l. Cabe ressaltar que, durante os testes feitos no padrão internacional WLTP, os carros ficam com 70% a 85% de carga na bateria.

Toyota Prius
Novo Toyota Prius Plug-In Hybrid (Toyota/Divulgação)

Autonomia

Por falar nela, a bateria da quinta geração do Prius manteve o conjunto sob o banco traseiro. Agora, entretanto, ela é feita de células de íons de lítio. Desse modo, na comparação com a bateria de níquel-hidreto metálico da geração anterior, a capacidade passou de 8,8 kWh para 13,6 kWh. Assim, o alcance no modo 100% elétrico é 50% maior. Ou seja, a autonomia foi ampliada de 63 km para quase 95 km. E o alcance combinado chega a 1.250 km.

Vem para o Brasil?

A Toyota, a princípio, já registrou a quinta geração do Prius no Brasil. O híbrido teve os desenhos industriais e patentes publicados na revista do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), há pouco mais de um mês. Por aqui, deve vir justamente a versão híbrida plug-in. No entanto, apesar das expectativas, não há data para o retorno do modelo – que saiu de linha no Brasil em 2021. Especula-se que a estreia ocorra no ano que vem.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
VW POLO TRACK “PELADO” POR R$ 80 MIL, SERÁ QUE VALE?

Deixe sua opinião