Onix 2020 x HB20 2020: confira todas mudanças das novas gerações

Líderes de mercado, os novos hatches mudaram e nós mostramos quais as novidades do Onix e HB 2020

onix
HB20 2020 OU ONIX 2020 Crédito: MONTAGEM/DIVULGAÇÃO

Já dá para dizer que a disputa entre Chevrolet Onix e Hyundai HB20 se tornou um clássico dos últimos sete anos. Líderes de mercado, com a primeira e segunda posição, respectivamente, os modelos foram lançados quase que simultaneamente em 2012.

Agora, eles fazem o mesmo jogo ao lançar suas segundas gerações e mostram que sabem bem o que o rival tem e onde apelar por novidades na tentativa de conquistar o consumidor. Faremos aqui um raio-x entre as versões hatch, que devem continuar na dianteira de emplacamentos de carros no País, usando as versões de topo de Onix, a Premiere, e do HB20, Diamond Plus.

Chevrolet Onix 2020:

Início de Vendas

A GM optou por lançar e começar a vender o Onix Plus, sucessor do Prisma, antes, em outubro. O hatch chegará às lojas em novembro. Já a Hyundai resolveu fazer o contrário. Em outubro inicia as vendas do hatch e, um mês depois, o sedã. Uma diferença extra entre os rivais é que a Hyundai já mostrou a versão aventureira, X, que chegará às lojas em dezembro, enquanto a GM ainda não se manifestou sobre o retorno dessa opção.

Então, se você estiver realmente interessado em um hatch, a Hyundai está mais disposta a ter você como cliente antes. Mas se o seu maior interesse for um sedã, a GM quer você nas lojas deles antes.

Dimensões

O Onix hatch tem 3,93 metros de comprimento, 1,73 m de largura, 1,47 m de altura e 2,60 de entre-eixos. Já o HB20 tem 3,94 m de comprimento, 1,72 m de largura, 1,47 m de altura e 2,53 m de entre-eixos. Ou seja, são parelhos de comprimento, largura e altura, mas o Onix é melhor de entre-eixos.

O porta-malas do Onix tem 280 litros declarados pela GM, contra os 300 litros do HB20 informados pelo Hyundai. Em termos de tanque de combustível, melhor para o HB20, que oferece 50 litros, contra 44 litros do Onix. O peso do Onix é de 1.100 kg, enquanto que o do HB20 é de 1.091 kg.

Motores

Tanto Onix quanto HB20 ganharam novos motores. Os dois contam com um três cilindros, 12 válvulas, turbo e flexível, nas versões de topo. O do Onix rende 116 cv a 5.500 rpm e até 16,8 mkgf a 2.000 rpm. No Hyundai, o novo propulsor gera 120 cv a 6.000 rpm e 17,5 mkgf a 1.500 rpm.

Na parte debaixo da tabela de motores, ambos têm as versões aspiradas dos mesmos propulsores. O do Onix entrega até 82 cv a 6.400 rpm e 10,6 mkgf a 5.200 rpm. Já o do HB20 joga 80 cv a 6.000 rpm e 10,2 mkgf a 4.500 rpm para as rodas.

Transmissões

Tanto Onix quando HB20 trazem associados a seus motores 1.0 turbo flexível uma transmissão automática de seis velocidades. Nas versões mais básicas, com o motor aspirado, o Onix traz um manual também de seis, que já estava disponível na antiga geração, enquanto que a Hyundai optou por um manual de cinco velocidades.

Consumo e Desempenho

Para a versão de topo do hatch com motor 1.0 turbo, a Hyundai divulga 10,3 km/l com etanol na estrada e 8,6 km/l na cidade. Já a GM declara 10,9 km/l em ciclo rodoviário e 8,6 km/l em ciclo urbano, também com combustível derivado da cana-de-açúcar. No caso, por pouco, ponto para o Onix. A GM divulga que o Onix é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h com o novo conjunto em 9,7 segundos. Já o HB20 cumpre o mesmo prazo de aceleração em 10,7 segundos. De novo, deu Onix.

Equipamentos

De série, em todas as versões, o Onix traz seis air bags, controles de tração e estabilidade, entradas USB para os passageiros da dianteira e da traseira, além de assistente de partida em rampa. O HB20 oferece apenas dois air bags, não traz controles de tração e estabilidade ou sequer assistente de partida em rampa.

Na versão de topo, o Onix vai com rodas de 16 polegadas, carregador de celular por indução, faróis com acendimento automático, câmera de ré, Wi-Fi, controle de velocidade, partida por botão com chave presencial, lanternas de LEDs, alerta de ponto cego, ar-condicionado digital, assistente de estacionamento, entre outros.

Já o HB20 só traz controles de tração e estabilidade e assistente de partida em rampa em versões mais caras. Mesmo na versão de topo, Diamond Plus, o HB20 só pode oferecer quatro air bags. E há ainda câmera de ré, controle de velocidade (que não existia na geração anterior), sensor de obstáculos traseiro, ar-condicionado digital e partida por botão com chave presencial. Exclusividade do HB20 em relação ao Onix é a frenagem automática de emergência.

Preços de Onix e HB20

O Onix tem preços entre R$ 48.490 e 72.990 para o hatch. São seis versões, algumas com pacotes de opcionais: 1.0 LT (R$ 51.590 a R$ 54.625), Turbo (R$ 55.590), LT Turbo (R$ 57.590 a R$ 62.890), LTZ Turbo (R$ 60.990 a R$ 66.290) e Premier Turbo (R$ 69.990 a R$ 72.990).

O Hyundai HB20 tem tabela de R$ 46.490 a R$ 77.990. São dez versões, a Sense 1.0, Vision 1.0 (R$ 48.990), Vision Bluemedia 1.0 (R$ 50.490), Evolution 1.0 (R$ 53.790), Vision 1.6 MT R$ 57.990, Vision 1.6 AT (R$ 62.790), Launch Edition 1.6 AT (R$ 69.990), Evolution 1.0 Turbo AT (R$ 67.190), Diamond 1.0 Turbo AT (R$ 73.590), Diamond Plus 1.0 Turbo AT (R$ 77.990).

Com isso, a versão de entrada do Hyundai HB20 tem vantagem no preço, mas perde na versão de topo, que fica R$ 5 mil mais cara que a do Onix.

Hyundai HB20 2020:

Ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas