Suzuki Jimny Sierra pick up style
Suzuki/Divulgação

Suzuki Jimny Sierra pode ter versão picape, diz executivo

Único carro da marca vendido no Brasil, Jimny terá ainda versões híbridas e elétricas que devem chegar ao mercado até 2030

Por Thais Villaça 10 de jul, 2024 · 4m de leitura.

Não é de hoje que a Suzuki imagina uma versão picape para o Jimny Sierra – atualmente o único carro da marca disponível no Brasil. Durante o Salão de Tóquio, em 2019, a marca japonesa revelou o conceito Jimny Sierra Pick-Up Style, uma caminhonete compacta com estilo retrô, com grade diferenciada, pintura dourada, placas de madeira nas laterais e luzes auxiliares de LED no teto.

Mas mesmo que o projeto não tenha saído do papel, os planos de ter uma picape baseada no jipinho ainda não foram totalmente descartados. É isso que podemos concluir após a entrevista de Michael Pachota, gerente-geral da Suzuki Austrália, ao site CarSales. “O projeto, eu diria, não está morto”, disse o executivo. “Imagine um Jimny com dois assentos na frente e nada atrás?”, questionou.

jimny sierra
Suzuki/Divulgação

Novas versões para o Jimny

Se o Jimny Sierra picape se tornará ou não realidade, é difícil dizer. Entretanto, outras variações do jipinho estão no radar da Suzuki e devem chegar ao mercado nos próximos anos. Em 2030, por exemplo, estreia a versão elétrica do modelo – será um dos cinco veículos elétricos que passarão a compor a linha da marca japonesa. Antes disso, contudo, uma configuração híbrida deve ser lançada.

Pachota também se diz entusiasta das variantes mais ecologicamente corretas do Jimny, que serão responsáveis por reduzir a pegada de carbono da montadora. Assim, será possível atender ao programa do governo australiano Novo Padrão de Eficiência dos Veículos (NVES, na sigla em inglês), que será implementado já a partir de 2025. “Eu gostaria de ver outras versões do Jimny, do tipo que provavelmente vão ajudar com o NVES”, afirmou.

Se seguisse os passos do protótipo mostrado cinco anos atrás, a picapinha poderia receber o mesmo conjunto do atual Jimny Sierra, formado pelo motor 1.5 aspirado de 108 cv e 14,1 mkgf, que pode ser pareado ao câmbio manual de cinco marchas ou automático de quatro. Agora, entretanto, o veículo pode receber alguma eletrificação para contribuir com a meta de redução de emissões.


Siga o Jornal do Carro no Instagram!

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Ford Bronco Wildtrak é super jipe de 334 cv sem medo da lama
Newsletter Jornal do Carro

Complete seu cadastro para receber as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.

Campo obrigatório
Tudo certo!

Seu cadastro foi enviado. Em breve você receberá as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.