VW Tarok 2026 projeção
Kleber SIlva/K Design AG

VW fará Virtus e picape do T-Cross no Paraná com R$ 3 bilhões

Produção do sedã começa em 2025 e picape Tarok chega em 2026; valor anunciado na fábrica é parte dos R$ 16 bi que a VW vai investir no País

Por Fellipe Gualberto 17 de jun, 2024 · 4m de leitura.

A fábrica da Volkswagen em São José dos Pinhais (PR) começará a produzir unidades do sedã Virtus a partir de 2025. O anúncio foi feito por Ciro Possobom, CEO da Volkswagen do Brasil, em evento de comemoração aos 25 anos da unidade paranaense da empresa. Até o momento, a planta de São José dos Pinhais produzia apenas o SUV T-Cross, e o Virtus é feito em São Bernardo do Campo (SP), na fábrica da Anchieta – local que vai manter a produção.

De acordo com Possobom, após a modernização da fábrica em São José dos Pinhais, “a produção vai aumentar, essa é a parte boa da história”. Somente em 2024, 27 mil unidades do T-Cross saíram da linha de montagem no Paraná. Ainda não há informações sobre os novos números de produção, bem como de contratações.

VW T-Cross fábrica Paraná
VW/Divulgação

VW confirma picape do T-Cross

Além de leva a produção do Virtus para a planta paranaense, Possobom também confirmou os planos de produzir a nova picape da Volkswagen na fábrica de São José dos Pinhais. No entanto, o executivo não revelou detalhes do modelo inédito, que deverá ter sistema híbrido flex. “Deste ano até 2028, são 16 carros nesse pacote de R$ 16 bilhões, então haverá carro flex, carro híbrido e carro elétrico”, diz.

VW Virtus T-Cross fábrica Paraná
Fellipe Gualberto/Estadão

VW Virtus terá produção maior

O Virtus estreou em 2018 com produção na fábrica paulista. O sedã recebeu atualizações em fevereiro de 2023. Isso inclui, por exemplo, iluminação 100% de LEDs nos faróis e lanternas. Atualmente, o SUV soma 245 mil unidades vendidas, sendo que 186 mil foram entregues a clientes brasileiros. Além disso, 59 mil foram exportadas para 13 países da América Latina.


A unidade de São José dos Pinhais receberá R$ 3 bilhões em investimento até 2028 para adaptar a linha de produção para o Virtus. Bem como para a produção da nova picape, esperada desde 2018, quando a VW revelou um modelo conceitual do modelo no Salão de São Paulo. Por enquanto, o carro é conhecido pelo nome de Tarok. Os três, portanto, compartilham a mesma plataforma MQB-A0. No total, a VW vai investir mais R$ 9 bilhões em suas fábricas no Brasil. Assim, os recentes aportes anunciados pela fabricante somam R$16 bilhões.

Siga o Jornal do Carro no Instagram!

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Novo VW T-Cross 2025 é mais sofisticado sem subir de preço

Newsletter Jornal do Carro

Complete seu cadastro para receber as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.

Campo obrigatório
Tudo certo!

Seu cadastro foi enviado. Em breve você receberá as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.