Carros com mais de 700 cv no Brasil

A nota de corte fica alto e o resultado vai ficando cada vez menor quando pensamos em carros com aos menos 700 cv

700 cv
McLaren Senna Crédito: MCLAREN

Quando a nota de corte da potência sobe para os 500 cv, já se diminuem substancialmente as opções. Aos 600 cv, mais ainda. Quando falamos de carros de 700 cv já chegamos ao olimpo dos superesportivos à venda no País, com restritas opções recentes. Mas cada um deles vale a pena pela exclusividade ou trabalho

Dodge Challenger Hellcat

Figurinha já carimbada por aqui, apesar das poucas unidades, o Challenger Hellcat quase foi vendido oficialmente. O modelo foi estrela da FCA durante o Salão do Automóvel 2016. O único americano da lista usa um V8 de 6,2 litros com supercharged que rende 717 cv a 6.200 rpm e 89,8 mkgf a 4.800 rpm. O câmbio é automático de oito marchas

DODGE

Ferrari 488 Pista

Versão ‘hardcore’ e sucessora da 488 GTB, a 488 Pista teve seu peso reduzido em 90 kg. Além disso, o modelo traz o V8 mais potente já produzido pela Ferrari, são 720 cv a 8 mil e 78,5 mkgf a 3 mil rpm no motor de 3,9 litros e biturbo. Com máxima de 340 km/h e aceleração em 2,8 segundos, ela tem ainda uma aerodinâmica mais refinada.

FERRARI

Ferrari 812 Superfast

“O Ferrari mais potente já produzido” esse é o lema da 812 Superfast. O modelo que custa quase R$ 4 milhões no Brasil, usa um motor V12 de 6,5 litros. Dele saem 800 cv a 8.500 rpm e 73,2 mkgf a 7 mil rpm. A transmissão é de dupla embreagem e sete marchas. Esse conjunto leva a 812 Superfast a 340 km/h e 0 a 100 km/h em 2,9 segundos.

FERRARI

Lamborghini Aventador S

Versão melhorada do Aventador, o Aventador S tem uma série de mudanças entre o que a marca chama de primeira geração e esta. O motor V12 de 6,5 litros passou de 700 cv para 740 cv com melhorias na admissão. A transmissão é a automatizada de sete marchas e uma embreagem. Com tração integral, faz de 0 a 100 km/h em 2,9 segundos e atinge a máxima de 350 km/h.

LAMBORGHINI

McLaren Senna

Exclusivo, o carro que leva o nome e homenageia o tricampeão mundial de Fórmula 1, tem como base o 720S, mas uma profusão de novidades. O motor V8 biturbo de 4 litros entrega 800 cv contra os 720 cv do carro base. São apenas 2,8 segundos na aceleração de 0 a 100 km/h. A final fica em 335 km/h. O câmbio é de sete velocidades, automatizado, e duas embreagens.

MCLAREN

McLaren 720S/720 Spider

Base para a produção do Senna, o 720 usa o mesmo V8 de 4 litros, biturbo, mas entrega “só” 720 cv. O câmbio é automatizado e sequencial de sete marchas. Esse conjunto leva o 720 de 0 a 100 km/h em 3 segundos e atinge os 341 km/h. Ele tem também uma versão conversível com o mesmo conjunto.

MCLAREN

Porsche 911 GT2 RS

Versão mais nervosa do 911, o GT2 RS é a última série produzida do modelo, mais nervoso, inclusive, que o GT3. O motor é um seis cilindros opostos de 3,8 litros, biturbo. Ele entrega exatos 700 cv e 76 mkgf. A transmissão é a automatizada de dupla embreagem e sete marchas. Ele é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 2,8 segundos e chega aos 340 km/h

STUTTGART PORSCHE

Ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas